Monthly Archives: maio 2017

SERRA TALHADA SEDIOU ENCONTRO ESTADUAL DE GESTORES DA ASSISTÊNCIA SOCIAL

Serra Talhada sediou na quinta (25) e sexta (26), no auditório do Hotel São Cristóvão, o 5º Encontro de Gestores e Trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social. O encontro teve o objetivo de discutir o fortalecimento da rede da assistência social nos Sertões do Pajeú, Central, Itaparica e Moxotó, e contou com a presença de gestores e trabalhadores da área de assistência de vários municípios, além da secretária Executiva de Assistência Social de Pernambuco, Socorro Araújo. “Estamos vivendo em Pernambuco um momento pós-eleições municipais, portanto temos novos gestores na área de assistência nos municípios, e como essa é uma politica que tem uma demanda muito própria, é necessária uma compressão do que é o sistema, como chegar mais perto da população, promovendo direitos pra que as pessoas tenham as situações vulnerabilidades melhor resolvidas”, disse Socorro. Ela agradeceu ainda ao governo de Serra Talhada pelo acolhimento. “Queremos agradecer aos municípios participantes e em especial ao secretário de Serra Talhada, Josenildo Barbosa, militante da politica de assistência social, pela contribuição nesse evento”, completou.

Participante ativo das discussões referentes à política de assistência social em Pernambuco e no país, o secretário Josenildo Barbosa falou sobre o momento de discussão. “É uma honra para Serra Talhada sediar esse encontro, isso mostra que Serra Talhada é referência entre os municípios de médio porte nas quatro regiões do interior com números elevados em sua atuação. Isso é bom porque nossa experiência pode ser vivenciada por outros municípios. E quanto ao encontro é um importante momento de capacitação e organização da rede, além de um momento de discutir e focar na política regional”, disse Josenildo.

PARCERIA INTENSIFICA FISCALIZAÇÃO DE TRÂNSITO EM AFOGADOS

A imagem pode conter: 12 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas e pessoas em pé

Uma parceria firmada entre a Prefeitura de Afogados, DETRAN e PM-PE, tem intensificado a fiscalização de veículos e condutores no município. A Prefeitura disponibilizou veículos (uma caminhonete S-10 e duas motos) para o trabalho da Guarda Municipal.

A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas sentadas e pessoas em pé

Desde a última sexta-feira foram 18 atuações e 05 remoções de veículos para o pátio da Ciretran. A Prefeitura também conseguiu junto ao DETRAN a capacitação da guarda municipal para atuar na fiscalização e orientação do trânsito do município. O Prefeito de Afogados, José Patriota, entregou pessoalmente os certificados de conclusão do curso aos guardas municipais participantes da operação.

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé, motocicleta e atividades ao ar livre

“Esse é um trabalho permanente, de educação e orientação, mas também de fiscalização. O problema do trânsito existe e não vamos ficar de braços cruzados sem enfrenta-lo,” declarou a Secretária de Administração, Flaviana Rosa, gestora a qual está subordinada a Guarda Municipal.

PREFEITOS DO PAJEÚ CONHECEM GESTÃO DE AFOGADOS DA INGAZEIRA

O Prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, recebeu no último sábado (27), os Prefeitos Sávio Torres (Tuparetama), Zeinha (Iguaraci), Djalma Alves (Soildão) e Lino Morais (Ingazeira). A reunião aconteceu no centro municipal de logística.

O objetivo da visita foi conhecer o modelo do monitoramento implantado por Patriota em Afogados, sua metodologia e sistemática. “Fico muito feliz em poder receber os amigos prefeitos, irmãos no desafio de gerir um município em meio a tantos problemas. Mostrar um pouco do que estamos fazendo e dos resultados que estamos conseguindo obter, compartilhar as boas práticas,” destacou Patriota.

Além disso, os Prefeitos também puderam conhecer algumas das iniciativas exitosas implantadas no município, a exemplo da usina de asfalto, adquirida com recursos próprios e responsável pela pavimentação de mais de 50 ruas em Afogados. Somando aos calçamentos financiados pela Caixa Econômica via emendas parlamentares, a Prefeitura já calçou/pavimentou mais de 90 ruas em toda a cidade.

GOVERNO DE PERNAMBUCO DECRETA CALAMIDADE EM 13 MUNICÍPIOS

Após o grande volume de chuva que atingiu municípios do Agreste e da Zona da Mata Sul de Pernambuco, o governador Paulo Câmara reuniu, na manhã deste domingo (28.05), no Palácio do Campo das Princesas, o secretariado e as forças operativas para monitorar a situação e planejar as diretrizes no esforço de conter os impactos das enchentes dos municípios afetados. Diante da situação, o gestor estadual decretou, por meio de publicação em edição extraordinária do Diário Oficial,Calamidade em 13 cidades e a instalação, em cada um dos municípios, de gabinete de crise. São eles: Belém de Maria, Palmares, Amaraji, Maraial, Ribeirão, Cortês, Barra de Guabiraba, São Benedito do Sul, Rio Formoso, Catende, Água Preta, Jaqueira e Barreiros.

“Estamos imbuídos de realizar o monitoramento em tempo integral das cidades atingidas pelas chuvas. Vamos tomar as medidas necessárias para que os prejuízos e o sofrimento da população sejam minimizados com o trabalho que já está iniciado e com o que estamos planejando. O gabinete de crise está sendo instalado nas 13 cidades em estado de Calamidade para dar as respostas e os alertas necessários a toda a população atingida”, afirmou o governador Paulo Câmara, que sobrevoou, à tarde, as principais atingidas.

O gabinete de crise é um local que conta com o apoio da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e de todas as equipes do Governo do Estado, visando concentrar as demandas dos municípios de forma a desburocratizar o atendimento aos moradores. “É um escritório para concentrar demandas que serão reportadas ao Recife para que as secretarias responsáveis proponham diagnósticos e soluções sob o comando do governador Paulo Câmara”, esclareceu o secretário de Planejamento e Gestão, Márcio Stefanni.Paulo também afirmou que 200 homens já foram enviados para os municípios, tanto do Corpo de Bombeiros, quanto da Defesa Civil do Estado e que irão se juntar às corporações municipais. “Os 200 homens vão continuar na região da Mata Sul enquanto for necessário. Caso seja preciso deslocar mais militares, isso será feito ao longo das avaliações, que serão permanentes”, afirmou.

O trabalho humanitário também já está sendo realizado com a entrega de mantimentos nos municípios. “A Codecipe (Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de Pernambuco) já enviou dois caminhões com colchão, lençol, travesseiros, fronhas. Também estamos enviando lonas plásticas, que são bastante demandadas em momentos como esse”, ressaltou. Os kits de alimentação, conforme informou Paulo, serão remetidos para os municípios tão longo fiquem prontos.

Ainda entre as ações que estão sendo realizadas, está o monitoramento de todos os reservatórios por meio da Companhia Pernambucana de Abastecimento (Compesa), para avaliar a necessidade de abertura ou não de comportas; o deslocamento de duas aeronaves sobrevoando as áreas de risco; o levantamento da situação dos acessos e estradas, através de engenheiros do Departamento de Estradas e Rodagens de Pernambuco (DER-PE) e secretaria de Habitação (Sechab); disponibilização de prédios públicos para servirem de abrigo; deslocamento de três equipes de saúde para a Mata Sul.

Em comparação com as fortes chuvas que ocorreram em 2010, atingindo grande parte da Mata Sul, Paulo pontuou que a situação atual é ainda mais grave. “A chuva de 2010, que trouxe tanta destruição, em três dias correspondeu a 180 milimetros (mm). As fortes chuvas que se iniciaram na última sexta-feira, já atingiram 140mm, ou seja, com mais intensidade”, comparou, ressaltando que, embora a situação atual seja mais grave, temos muitos equipamentos preservados, em virtude de planejamento e de preparação, tanto das informações meteorológicas quanto dos investimentos já realizados”.SERRO AZUL – O governador destacou, ainda, que a construção da barragem de Serro Azul, localizada em Palmares, evitou estragos maiores. “O esforço de conclusão de Serro Azul já mostra alguns efeitos, junto com todo o trabalho da Operação Reconstrução de 2010. Temos, hoje, a preservação de casas, escolas e hospitais que já foram construídas em locais adequados para evitar um dano maior”, afirmou. A barragem de Serro Azul tem um reservatório com capacidade de acumulação de 303 milhões de metros cúbicos (m³) e, até agora, recebeu 48 milhões de m³.

APOIO – O Governo do Estado também solicitou apoio do Governo Federal, por meio dos ministérios da Cidade e da Defesa. Diante da situação de calamidade, o presidente da República, Michel Temer, virá a Pernambuco. Para tanto, o governador Paulo Câmara está preparando o material que entende como fundamental e necessário para apresentar ao Governo Federal. ” Um dos pontos é com relação aos recursos dos convênios já formalizados, para que possamos finalizar outras barragens e obras que precisam ser concluídas para evitar fatos como esse ocorram novamente”, afirmou Paulo Câmara

Humberto Costa: Reforma Trabalhista: a escravidão dos tempos modernos

Resultado de imagem para humberto costa
Por: Diario de Pernambuco
 
Proteção edificada ao longo de mais de um século de história e de luta dos trabalhadores brasileiros, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) está sob perigo iminente. Tramita no Senado a Reforma Trabalhista que, numa só tacada, ameaça alterar mais de cem dispositivos de todo o arcabouço legislativo sobre relações de trabalho no Brasil. Entre outras ações, o projeto amplia a jornada, extingue o descanso antes da hora extra, permite o contrato intermitente, enfraquece as entidades sindicais e autoriza a sobreposição do negociado sobre o legislado.
 
Vendida pelo governo do presidente ilegítimo e moribundo Michel Temer como uma modernização das leis do trabalho, essa reforma é, na prática, um grande retrocesso e remonta ao tempo da servidão, em que a classe patronal dispunha de homens, mulheres, e mesmo de crianças, como se sua propriedade fossem, sem lhes oferecer quaisquer garantias ou justa contrapartida pela força de trabalho empregada. Agora com um novo nome, tenta-se reeditar esse modelo sob o pretexto de que as mudanças trariam mais e melhores empregos. Nada mais inverídico. Empregos criados a partir de uma eventual legislação dessa natureza seriam extremamente precários, o que representaria um imenso retrocesso social.
 
Vale também reforçar o óbvio: não existe geração de emprego sem investimento federal, sem aumento da competitividade das empresas brasileiras no mercado internacional, sem fomento à tecnologia e educação, áreas que vêm sofrendo com o total descaso do governo peemedebista. Só em 2016, o BNDES reduziu em 62% os investimentos para o Norte e o Nordeste do Brasil.
 
A insistente propaganda governista em prol do projeto não conseguiu nem mesmo convencer os empresários, grandes beneficiários da proposta. Pesquisa realizada pela Fiesp, em abril passado, revela que para mais de 70% deles a Reforma Trabalhista não representa grande incentivo a contratações e investimentos. Isso sem falar no corte de R$ 1,41 bilhão para projetos de inovação e pesquisa promovido pelo governo ilegítimo.

Um pacote de maldades como esse para o trabalhador brasileiro só poderia ser promovido por um governo ilegítimo como o de Temer. Nunca um projeto similar passaria pelo crivo das urnas. Jamais algo tão nefasto como o Ponte para o Futuro seria aprovado pelos brasileiros. Foram necessários um golpe político e a transformação do Congresso num balcão de negócios para que essa reforma pudesse passar na Câmara e chegar ao Senado Federal.

Os últimos acontecimentos políticos tiraram de vez a capacidade do governo de conduzir essa pauta perversa, que engloba ainda a Reforma da Previdência, dentro do Congresso. Temer está por fio e, não tardará muito, deixará o Palácio do Planalto pela mesma porta dos fundos por onde entrou, seguindo direto para o lixo da História, que é o lugar que lhe cabe. Com ele, levará as suas reformas draconianas. Por isso, é preciso a urgente pressão popular nas ruas, com a finalidade de enterrar esse governo e sua pauta impopular.

Somente por meio de uma ampla mobilização que meta pressão sobre os parlamentares será possível barrar essa imensa agenda de retrocessos patrocinada por Temer e por seus aliados fiéis, como o PSDB, o DEM e o PPS.

 

Em Flores 3200 alunos recebem fardamento e kit escolar

Um ato simbólico no final da tarde desta sexta-feira (26) marcou a entrega do kit e fardamento escolar para os 3200 alunos da rede municipal de ensino do município de Flores.  Régua, cadernos, lápis, lapiseira, bolsa e borracha são itens garantidos pela Secretaria de Educação, além da camiseta. O kit escolar e o fardamento fazem parte do rol de ações no setor de educação desenvolvidas com eficácia pela gestão municipal.

“Estamos em uma crescente evolução no que diz respeito aos investimentos voltados para educação do nosso município. Essa é o nosso compromisso enquanto gestor de nossa querida Flores, que é colocar nossa cidade no lugar de destaque que ela merece e não vamos medir esforços para que esse nosso desejo torne-se realidade”, disse o prefeito Marconi Santana.

Graciete Braga Santana, Secretária de Educação reforçou que a gestão municipal não tem medido esforços para ofertar um ensino de qualidade e com foco em melhorar os índices educacionais.

Parceria com Aché reforça Pernambuco como um hub de distribuição para o Norte e o Nordeste

A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas em pé e terno
A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas em pé, terno e área interna
 
Cinco meses após o governador Paulo Câmara e o presidente do Aché Laboratórios, Paulo Nigro, firmarem acordo assegurando a implantação de uma planta industrial e de uma Central de Distribuição (CD) no Complexo de Suape, o chefe do Executivo estadual e representantes da empresa assinaram, nesta sexta-feira (26.05), no Palácio do Campo das princesas, o contrato de compra e venda do terreno de 25 hectares onde serão construídos os empreendimentos.  A parceria é mais uma iniciativa que reforça a atuação de Pernambuco como um hub de distribuição para o Norte e o Nordeste.
 
“Esse é mais um passo para consolidar Pernambuco como um hub de distribuição das regiões Norte e Nordeste. Será um pólo diferenciado e sabemos que, a partir da instalação dessa fábrica, a cadeia de remédios começará a ter um olhar diferenciado para o Estado, e atrairemos mais investimentos”, afirmou o governador Paulo Câmara, destacando que Pernambuco se consolidará também como um polo farmacêutico.Com um investimento inicial de R$ 500 milhões, a Indústria do Aché vai gerar 500 postos de trabalhos diretos e outros 2,5 mil indiretos.
 
O governador também comentou sobre a força de atração de investimentos demonstrada por Pernambuco, devido, entre outras coisas, à clareza das regras estaduais e a transparência observada nas negociações tocadas pela administração estadual.  " Consolidações como essa só acontecem em virtude do cumprimento dos papeis de cada um. Ninguém realiza um investimento como esse se não tem a confiança no parceiro, e Pernambuco recebe um empreendimento privado em um momento de pouca atração de investimentos em outros Estados”, grifou. O investimento realizado pelo Grupo Aché em Pernambuco foi o maior anunciado pelo setor privado no ano passado em todo o País.
 
Paulo  revelou que, assim que acabar o período de chuvas, as obras para a implantação dos empreendimentos do Aché começarão. “Entre o final de 2018 e o começo de 2019, já teremos uma fábrica pronta, empregando pernambucanos e sendo referência em medicamentos”, concluiu.
 
O diretor de operações do Aché Laboratórios,  Adriano Alvim, elencou os critérios pelos quais Pernambuco foi escolhido para ser sede do grupo no Nordeste. “Além de as regiões Norte e Nordeste serem as que mais crescem no Brasil no segmento farmacêutico, escolhemos devido à infraestrutura, à oferta de profissionais altamente qualificados, às universidades e escolas técnicas”, avaliou. 
 
EXPORTAÇÃO – Alvim destacou a localização estratégica do Porto de Suape como um diferencial para o planejamento do Aché. “Especificamente, vamos construir a nossa fábrica no Complexo de Suape porque essa fábrica será a nossa plataforma para crescimento para o Norte e Nordeste, mas, também, para a exportação. É aí que entra a importância do Porto de Suape e de toda a infraestrutura logística”, completou.
 
A expectativa é de que a nova unidade, quando estiver em plena operação, em 2021, aumente a capacidade produtiva do Aché em cerca de 50%.  A nova planta – primeira em solo nordestino – será um importante reforço para o polo Farmacoquímico do Estado, que já conta com 11 empresas. O Aché é uma empresa 100% brasileira com 50 anos de atuação no mercado farmacêutico. Hoje, o grupo paulista, que emprega 4,5 mil pessoas, conta com quatro complexos industriais: em Guarulhos (SP), São Paulo (SP), Londrina (PR) e Anápolis (GO).
 
Também estiveram presentes na cerimônia de assinatura o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry; o secretário Felipe Carreras (Turismo, Esportes e Lazer); o Chefe das Assessorias Especiais, José Neto; o secretário-executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto; o presidente e o vice-presidente do Complexo Industrial Portuário de Suape, Marcos Baptista e Marcelo Bruto, respectivamente.
 

DETRAN-PE FORMA NOVOS AGENTES DA AUTORIDADE DE TRÂNSITO EM AFOGADOS DA INGAZEIRA

A Secretaria das Cidades, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE encerrou nesta sexta-feira, 26, mais uma turma do Curso de Formação de Agentes da Autoridade de Trânsito. Com uma carga horária de 100 horas/aula, o curso que teve início no último dia 15 aconteceu no município de Afogados da Ingazeira, dividido entre teorias e práticas.

No módulo 1, ministrado pelo instrutor Eric Augusto, foi abordado o comportamento do agente de trânsito, tendo como foco principal as técnicas e posturas que os profissionais devem ter diante de uma abordagem, não só com o condutor, mas também com os demais ocupantes dos veículos. Além disso, foi explanada a legislação de trânsito, regulada pelo Código de Trânsito Brasileiro – CTB.

Já no 2º módulo o instrutor Luciano Francisco ensinou o preenchimento de formulários utilizados nas blitzs, abordando assuntos como Auto de Infração de Trânsito – AIT, Auto de Recolhimento de Documentos – ARD, Auto de retirada de Veículos de Circulação – ARVC e Termo de Recusa. Todo o curso foi coordenado pela Unidade de Desenvolvimento de Pessoal – DGHD do DETRAN-PE.

Nessa turma participaram cerca de 30 alunos, entre policiais militares do 23º Batalhão de Polícia Militar de Afogados da Ingazeira e da Guardas Municipais. Ainda na ocasião eles participaram de atividades práticas em blitz montada nas ruas do município, com o apoio de agentes do DETRAN-PE.

Para o diretor presidente do DETRAN-PE, Charles Ribeiro, a formação tem sido destaque entre as ações do Órgão. “Estamos trabalhando sempre em conjunto com outras instituições para ampliar a qualificação de nossos agentes. Sem dúvida, esse processo é de fundamental importância entre as medidas que implantamos para ter um trânsito mais seguro e coletivo para os nossos condutores de hoje e do amanhã”, enfatizou.

O encerramento das atividades e entrega de certificados aconteceu com a presença do prefeito de Afogados da Ingazeira e da secretária de Administração, respectivamente, José Patriota e Flaviana Rosa, do Comandante do 23º BPM, Coronel Carlos Eduardo, do coordenador da Ciretran de Afogados da Ingazeira, Heleno Mariano, do secretário de Administração da cidade de Tabira, Flávio Marques e da coordenadora de Cursos do DETRAN-PE, Glaucicarla Araújo.

Corrida das Rosas reúne corredores de Flores e região

Cerca de 100 corredores participaram da 1ª edição da Corrida das Rosas nesta quinta-feira (26). O evento marcou a abertura da 67ª edição da festa. O ato esportivo foi realizado com forte e chuva o que não desanimou os competidores de Flores, Serra Talhada, Custódia, Carnaíba e Mirandiba.

Na categoria masculino quem levou a premiação de R$ 500 (quinhentos) foi Claudenir Rodrigues do município de Custódia. A segunda colocação ficou para dois corredores de Mirandiba.

Já na categoria feminino Marília Isabel de Serra Talhada foi à campeã da 1ª edição da corrida e levou o prêmio de R$ 500 (quinhentos). Marconi Santana, prefeito do município garantiu aumentar o valor da premiação na próxima edição e ressaltou a importância da competição para o incentivo à prática da modalidade esportiva no município.

Presidente do IPA debate Ater Indígena em Brasília

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas e área interna

O presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Gabriel Maciel, esteve em Brasília, na quarta-feira (24), a fim de tratar da prestação de serviços de Ater para famílias indígenas em situação de extrema pobreza, no âmbito do Programa Brasil sem Miséria. A Chamada Pública SAF/ATER Nº 01/2015, no valor de R$ 6,1 milhões terá vigência de 36 meses.

O documento já foi assinado pelo IPA e enviado à Brasília, para assinatura do Secretário da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário. A iniciativa deverá beneficiar 1670 famílias dos povos indígenas  Fulni-ô,  Xukuru de Cimbres e Xukuru do Ororubá, dos municípios de Águas Belas, Pesqueira e Poção. Na ocasião, também foram discutidas implementações de ações para o Projeto Dom Helder Câmara.

Participaram da reunião Jeferson Carvalho (presidente da Emdagro- SE e diretor da Região Nordeste da Asbraer), Éverton Ferreira (subSecretario da Agricultara Familiar) e Marcelo Martins (sub-secretário de Desenvolvimento Territorial da SEAD).

ASBRAER – No Distrito Federal, o presidente do IPA também participou da Reunião do Conselho Diretor da Asbraer, realizada na tarde esta quarta-feira (24), em Brasília. Em pauta o cenário institucional e perspectivas de atuação da Asbraer, cenários regionais da Ater e a proposta da implantação da Rede de comunicação e outras ferramentas de divulgação nacional de Ater.

O encontro foi coordenado pelo presidente da Asbraer, Argileu Martins, e contou com a participação de Pedro Dias Correia (Vice-Presidente Região Norte), Glênio Martins de Lima Mariano (Vice- Presidente Região Sudeste), Clair Tomé Kuhn (Vice-Presidente da Região Sul suplente), Layr Mota da Silva (Vice-Presidente da Região Centro-Oeste) e Jefferson Feitoza de Carvalho (Vice-Presidente da Região Nordest