Zulene Alves

AFOGADOS: ATINGIDOS PELAS ENCHENTES NO BORGES RECEBEM DONATIVOS

A Secretaria Municipal de Assistência Social vem distribuindo donativos às famílias desabrigadas com as chuvas que
castigaram o bairro Borges, danificando e destruindo casas, no último dia 25 de Março. Além de alimentos e roupas, as
famílias, sobretudo as mais prejudicadas com a perda de móveis e utensílios, também estão recebendo eletrodomésticos doados
pela população, como fogões e botijões de gás.

“Tem sido muito gratificante ver toda a generosidade do nosso povo, a solidariedade, sendo revertida em benefício de famílias que,
em grande parte, perderam tudo. Mas graças a Deus, todas as vidas foram salvas,” destacou a Secretária Municipal de Assistência Social,
Joana Darc.

EM AFOGADOS, POPULAÇÃO BUSCA ORIENTAÇÕES SOBRE CRITÉRIOS E PREENCHIMENTO DE CADASTRO PARA O AUXÍLIO-CORONA.

Nos últimos dias tem sido intensa a procura por parte da população a respeito dos critérios – quem terá direito ao benefício – e por orientação para o preenchimento do cadastro.

Na secretaria de administração foram 55 pessoas atendidas presencialmente. Por telefone, zap ou redes sociais, o número ultrapassou a casa das 150 pessoas, totalizando mais de 200 atendimentos realizados pela equipe da secretaria e sala do empreendedor.

Nos órgãos e contatos disponibilizados pela Secretaria de Assistência Social – que coordena o cadastro único em Afogados – a procura também foi intensa. O atendimento será temporariamente suspenso em decorrência do ponto facultativo e feriado da semana santa, mas será retomado na próxima segunda-feira (13).

Vários telefones estão sendo disponibilizados para o auxílio da população. O ideal é que as dúvidas e orientações possam ser feitas via telefone. Mas os servidores também estarão disponíveis para o atendimento presencial, nos casos em que seja necessário. Confira os telefones e endereços:

Secretaria Municipal de Assistência Social

Rua Senador Paulo Guerra, nº 325

Telefones: 3838 3837 / 99978 1661

Cadastro Único: 99997 0107 (em frente a FASP)

CRAS: 99997 0124 (ao lado da Igreja Católica – Bairro Padre Pedro Pereira)

Segunda à Sexta, das 7h às 13hs.

Secretaria Municipal de Administração/Sala do Empreendedor

Rua Dr. Roberto Nogueira Lima, nº 165

Telefones: 3838 1906 / 99978 1331 / 81-99949 0760

Segunda à Sexta, das 8h às 13hs.

Secretaria Municipal de Educação: 99600 1513

Assessoria Especial da Prefeitura: 99978 1400

LIBERADO ACESSO A AFOGADOS QUE HAVIA SIDO DANIFICADO PELA ENXURRADA

Foi liberado ontem o acesso a Afogados da Ingazeira, na saída para o Recife, na altura do bairro Borges. O trecho havia sido comprometido após uma enxurrada ocorrida no último dia 25 de março.

Atendendo a um pedido do Prefeito José Patriota, as máquinas da Secretaria Estadual de Infraestrutura chegaram ao município no dia seguinte ao ocorrido, iniciando de imediato as obras. O acesso já está liberado para o tráfego de veículos.

Prefeitura de Petrolina implanta nova iluminação em LED na Estrada da Banana 

Entre as principais vias que liga a cidade, a Estrada da Banana já foi cenário para muitos capítulos tristes em Petrolina. A avenida que era apertada e tinha uma iluminação precária, vê a realidade sendo modificada após a  duplicação da via. Para completar as mudanças na área, a prefeitura deu início à nova iluminação da via: todo o trecho irá ganhar iluminação em LED, que é mais econômica e sustentável.

Serão  312 luminárias, 170 postes e 25.960 metros de rede implantada ao longo da avenida que interliga diversos bairros.

Para o secretário de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos, um novo capítulo se inicia na vida de quem precisa trafegar pela Estrada da Banana. “Pra gente, é uma grande felicidade poder transformar a vida e garantir a segurança de tráfego para todas as pessoas que necessitam utilizar a Estrada da Banana. Muitas histórias tristes já foram contadas em decorrência da falta de investimento em mobilidade urbana nessa via. É um grande orgulho para todos nós da gestão fazer parte de uma nova histórias em uma das principais avenidas de Petrolina” destaca o gestor.

Comunicamos que o informe da X GERES, repassada essa tarde à Secretaria Municipal de Saúde, ainda não traz o resultado do exame para covid-19 da paciente cujo caso ainda encontra-se em investigação.

Governo de Pernambuco anuncia cartão alimentação para estudantes da Rede Pública Estadual

Empresas aumentam valor de vales para alimentação e refeição » Onecard

O cartão irá beneficiar os estudantes mais carentes da rede durante o período de suspensão das aulas. Governo vai abrir linha de crédito no valor de R$ 6 milhões para o Polo de Confecções e disponibilizar material técnico para produção de equipamentos de proteção, como batas e máscaras. Agendamento de atendimentos nas Agências do Trabalho será retomado.

O Governo de Pernambuco anunciou o lançamento do cartão alimentação para estudantes da rede pública estadual. Com investimentos na ordem de R$ 12 milhões, o repasse de R$ 50 irá beneficiar cerca de 240 mil estudantes em todas as regiões do Estado.

Serão beneficiados com a medida os estudantes em maior situação de vulnerabilidade e que dependem da merenda fornecida pelas escolas. Com as aulas suspensas devido ao isolamento como forma de prevenção a propagação do novo Coronavírus, a medida do Governo do Estado busca suprir a interrupção das atividades nas escolas, inclusive, do fornecimento da merenda para os estudantes. O valor repassado será equivalente aos alimentos necessários para um mês de refeição por estudante e só poderá ser utilizado em compras de produtos alimentícios.

A iniciativa tem como base os dados das famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal.

A distribuição do cartão alimentação, que será gerenciado pela Alelo, empresa de serviços financeiros especializada em benefícios, incentivos e gestão de despesas corporativas, será realizada a partir do dia 20/04. A Secretaria de Educação do Estado explica que a partir da próxima segunda-feira (13), as famílias dos estudantes da rede pública estadual poderão acessar o site (educacao.pe.gov.br) e realizar a consulta para saber se terão direito ao benefício.

Também será disponibilizada a consulta da rede Alelo, que contempla mais de 9.300 estabelecimentos credenciados em todas as regiões do Estado. A estratégia de uso do cartão alimentação vai também beneficiar a economia dói estado, pois os alimentos serão adquiridos em supermercados, mercadinhos, padarias e outros estabelecimentos locais.

Além do cartão merenda, a família receberá uma carta de apresentação com todas as orientações sobre o uso do cartão, informações nutricionais, sugestões dos  produtos a serem adquiridos e de produtos não permitidos, como bebidas alcoólicas e refrigerantes, por exemplo.

POLO – O Polo de Confecções do Agreste será mais um aliado dos pernambucanos no combate à pandemia do coronavírus. Atento à relevância do setor produtivo para o PIB da região, o Governo lançou medidas para impulsionar a indústria, adequando a linha de produção para atender à demanda da população por equipamentos e itens de proteção contra a Covid-19.

A ação é dividida em três eixos estratégicos: apoio técnico, com fornecimento de manuais para produção e de selo de certificação para atestar a qualidade dos novos produtos; suporte financeiro, com linha de crédito especial no valor de R$ 6 milhões, garantindo a aquisição de matéria-prima para mais de 120 empresas; e consultoria comercial, com o objetivo de facilitar a interlocução com os diversos mercados consumidores.

A estimativa inicial é que o polo produza cerca de 1 milhão de unidades de máscaras para abastecer a população do Estado em pontos de venda físicos, como supermercados e farmácias, e também por meio de plataformas de e-commerce. Além de aproximar o setor fabril das empresas do varejo, o Governo do Estado já encomendou 200 mil unidades dos protetores faciais para abastecer os servidores públicos que continuam trabalhando, diariamente, em contato com o público.

A mudança da linha de trabalho de fábricas do Agreste foi iniciada e o objetivo é que ela ocorra de forma padronizada, mantendo os requisitos de qualidade que o mercado exige. O Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções de Pernambuco (NTCPE), organização social contratada para desenvolver políticas públicas para o setor, tem fornecido há cerca de duas semanas um manual técnico com protótipos de equipamentos de proteção, como batas, máscaras e protetores para os pés, para as empresas promoverem a adaptação necessária. Cerca de 50 empresas já estão com suas linhas de produção ativas.

O documento, que está disponível gratuitamente no site www.ntcpe.org.br, descreve modelagens e insumos necessários para a fabricação de cada produto. A ação tem como base aproveitar a base industrial já instalada e escoar a matéria-prima existente na região, incentivando a aquisição de fornecedores locais. Além disso, o NTCPE vai avaliar os protótipos confeccionados, emitindo um selo de qualidade que garantirá a padronização da produção em grande escala.

Para garantir a compra de insumos e cobrir estoques para a nova produção, os empreendedores do Polo de Confecções terão acesso a uma linha de crédito, disponibilizada pelo Governo do Estado através da Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE). Os recursos deverão ser utilizados exclusivamente para a compra da matéria-prima necessária à confecção de itens para o combate e proteção à Covid-19. São cartas de crédito com empréstimos individuais de até R$ 50 mil, totalizando R$ 6 milhões e taxas de juros de 0,31% ao mês. Mais de 100 empresas devem ser beneficiadas. Mais informações podem ser obtidas pelo Disque AGE (0800- 081-8081) ou pelo e-mail negocios@age.pe.gov.br.

Grandes empresas que reúnem milhares de fornecedores em seus canais de venda, já estão em negociação com o governo estadual para disponibilizar a produção pernambucana de máscaras e demais itens em suas plataformas de e-commerce. Estabelecimentos do atacado e do varejo que não foram impactados com a suspensão das atividades, como supermercados e farmácias, serão acionados para abastecer suas prateleiras com os itens fabricados no Agreste pernambucano.

O setor têxtil e de confecções do Agreste movimenta, por ano, quase R$ 6 bilhões em negócios, além de ocupar cerca de 250 mil pessoas, entre empregos formais e informais em todo o Estado. As indústrias respondem pela produção de 225 milhões de peças por ano e são o principal agente econômico na geração de riquezas e de postos de trabalho de mais de 40 municípios em Pernambuco e na Paraíba.

TRABALHO – Para atender aos trabalhadores e trabalhadoras que têm dificuldade de acesso à internet, a Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco decidiu retomar os atendimentos presenciais em 30 Agências do Trabalho em 11 Regiões de Desenvolvimento do Estado a partir da próxima terça-feira (14/04). A prioridade é para pessoas que precisam acessar o Seguro Desemprego. O funcionamento ao público irá respeitar as medidas emergenciais temporárias no combate ao novo Coronavírus, dispostas no Decreto do Governo do Estado, bem como as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Todas as unidades das Agências do Trabalho terão uma série de cuidados para oferecer segurança, tanto aos servidores, quanto aos trabalhadores que necessitam dos serviços presenciais.  Com o intuito de não formar filas e evitar aglomerações, os atendimentos deverão ser agendados pelo canal www.pecidadao.pe.gov.br. Outros serviços realizados pelo Núcleo de Atendimento continuarão sendo oferecidos aos trabalhadores, como informações sobre o Seguro Desemprego, acesso à Carteira Digital do Trabalho e intermediação de mão de obra.

Para preservar a saúde dos trabalhadores, os cuidados preventivos serão iniciados na entrada as Agências, com a oferta de álcool 70% para os trabalhadores que chegarem. Os servidores estarão usando máscaras e terão à sua disposição álcool 70%. Também serão orientados a fazer a higienização das mãos com água e sabão a cada três atendimentos. Nos guichês, os atendimentos serão feitos de forma alternada, mantendo assim, uma distância de pelo menos dois metros um do outro.

Segue o link com o pronunciamento do governador Paulo Câmara: https://we.tl/t-gTtshYwzWV

Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania de Sertânia publica informes sobre auxilio emergencial do Governo Federal

Governo começa a pagar auxílio emergencial de R$ 600 na quinta ...

Em razão da crise econômica causada pela pandemia do novo coronavírus, o Governo Federal lançou um auxilio emergencial no valor de R$ 600. A ação gerou inúmeros questionamentos e a Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania de Sertânia divulgou alguns informes para esclarecer dúvidas e evitar aglomerações na sede da pasta.

1º Quem recebe Bolsa Família terá o valor de R$ 600 depositado automaticamente em sua conta social, ou seja, vai receber de acordo com o calendário de pagamento do programa. Se isso não acontecer, o beneficiário pode entrar em contato com a nossa central de atendimento pelo telefone (87) 99192-1746.

2º Quem NÃO recebe Bolsa Família, mas está inscrito no Cadastro Único, também receberá automaticamente o valor de R$ 600, que será depositado em uma conta bancária vinculada ao CPF do cidadão. No caso de dúvidas, o interessado deve ligar para o atendimento do Auxílio Emergencial, o número é: 111.

3º A Secretaria informa, ainda, que o pedido do auxílio emergencial de R$ 600 para quem NÃO recebe Bolsa Família e NÃO está inscrito no Cadastro Único acontece EXCLUSIVAMENTE através do aplicativo de celular ou site oficial da Caixa Econômica Federal: App – Auxílio Emergencial e site: auxílio.caixa.gov.br. NÃO podendo ser feito na Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania.

Com isso, a Secretaria deixa claro que não se faz necessário o comparecimento à sede da pasta, que diante da pandemia do novo coronavírus tem buscado evitar aglomeração de pessoas e se coloca a disposição para atendimento por outros meios, como os telefones supracitados.

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania também lembra que a identificação e a decisão de quem irá receber o auxílio emergencial de R$ 600 são feitas APENAS pelo Governo Federal.

Pais e professores ajudam alunos com rotina de estudos durante coronavírus

Em meio à paralisação das atividades escolares no período de quarentena para enfrentamento ao coronavírus, professores e pais têm se empenhado em garantir que os alunos da Rede Municipal de Ensino de Serra Talhada continuem aprendendo.

Grande parte dos estudantes das zonas rural e urbana tem recebido o apoio necessário para não abdicarem de seus estudos neste momento em que estão fora da escola.

Em geral, os docentes têm enviado rotinas para os pais através de grupos de WhatsApp com sugestões de páginas de livros didáticos e dicas de atividades a serem trabalhadas. Esses pontos já fazem parte da rotina da escola e com certeza ajudarão no processo de volta às aulas.

No caso das comunidades rurais e nos distritos, pais e professores têm buscado manter a comunicação para que as leituras aconteçam e as rotinas prevaleçam da melhor forma possível.

Outro ponto que tem chamado a atenção da equipe pedagógica da Secretaria Municipal de Educação é a procura dos pais pelos conteúdos a serem abordados por eles nas residências. Uma interação muito importante e significativa que pode contribuir até mesmo para melhorar o desempenho e o ritmo de aprendizagem desses alunos.

A Secretária de Educação, Marta Cristina, explicou a importância do papel desempenhado pelos professores que têm realizado esse trabalho voluntário com pais e alunos. “Os profissionais envolvidos nessas atividades são dignos de aplausos por esse voluntariado louvável que muito nos orgulha, pois entendem a necessidade das nossas crianças continuarem aprendendo ao passo que ajudam os pais sugerindo leituras e outras atividades, dando a eles a possibilidade de trabalhar tudo isso com seus filhos dentro de casa. Entretanto, quero deixar claro que com esse trabalho não estamos substituindo carga horária, tendo em vista que ainda temos alguns alunos que infelizmente não têm o mesmo acesso que esses grupos quem vêm sendo assistidos pelos professores”, disse.

AUXÍLIO DE 600 REAIS: PREFEITURA DE AFOGADOS DISPONIBILIZA SERVIDORES PARA ORIENTAR A POPULAÇÃO

O Governo Federal iniciou nesta sexta o cadastramento da população mais fragilizada pelo recuo da atividade econômica em decorrência das acertadas medidas de isolamento social. Já estão no ar um site e aplicativos que podem ser baixados para celulares para o cadastramento de empreendedores, profissionais autônomos ou que estão na informalidade, e pessoas de baixa renda que ainda não façam parte do Cadastro Único.

Para ajudar a população a tirar dúvidas sobre os critérios e sobre como realizar o cadastramento, a Prefeitura de Afogados está disponibilizando servidores, sobretudo nas secretarias de Assistência Social e Administração (Sala do Empreendedor). “Essa medida visa ajudar a nossa população, sobretudo a mais carente, que hoje está sofrendo bastante com o fechamento de parte significativa das nossas atividades econômicas, que precisam ficar no isolamento social, mas que também precisam de recursos para sobrevivência nesse período tão difícil,” informou o Prefeito José Patriota.

Vários telefones estão sendo disponibilizados para o auxílio da população. O ideal é que as dúvidas e orientações possam ser feitas via telefone. Mas os servidores também estarão disponíveis para o atendimento presencial, nos casos em que seja necessário. Confira os telefones e endereços:

Secretaria Municipal de Assistência Social

Rua Senador Paulo Guerra, nº 325

Telefones: 3838 3837 / 99978 1661

Cadastro Único: 99997 0107 (em frente a FASP)

CRAS: 99997 0124 (ao lado da Igreja Católica – Bairro Padre Pedro Pereira)

Segunda à Sexta, das 7h às 13hs.

Secretaria Municipal de Administração/Sala do Empreendedor

Rua Dr. Roberto Nogueira Lima, nº 165

Telefones: 3838 1906 / 99978 1331 / 81-99949 0760

Segunda à Sexta, das 8h às 13hs.

Secretaria Municipal de Educação: 99600 1513

Assessoria Especial da Prefeitura: 99978 1400

Mesmo com interdição, adolescentes se reúnem na Orla de Petrolina e são abordados por Guarda Civil

No mesmo dia em que o terceiro caso de contaminação pelo coronavírus foi confirmado em Petrolina,  um grupo de jovens se reuniu na Orla de Petrolina,  desrespeitando o decreto que proíbe a aglomeração de pessoas, uma das principais medidas de prevenção à Covid-19.

 Cinco adolescentes estavam na Orla, nesta terça-feira (7), com uma caixa de som ligada e ingerindo bebida alcóolica quando foram abordados pela Guarda Civil Municipal. O material foi apreendido e os adolescentes foram encaminhados para casa.

Diante da ocorrência, o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Giovanni Costa, mostrou preocupação, já que a Orla está interditada há mais de 15 dias para passeio e prática de esportes, mas diariamente a Central de Atendimentos recebe centenas de denúncias de pessoas fazendo uso do espaço. “A população precisa ser mais consciente, pois o distanciamento social só será resolutivo se for, de fato, cumprido. Não é um período de férias, as pessoas devem ficar em casa, para que não ocorra em Petrolina o que está acontecendo no resto do mundo”, frisou.

A população pode denunciar o descumprimento das medidas de prevenção ao coronavírus pela Central de Atendimento da Secretaria Executiva de Segurança Pública, 153 ou (87) 98106-7310 (WhatsApp).