Zulene Alves

Paulo Câmara assegura mais R$ 70 milhões para a Adutora do Agreste

Governador se reúne com ministro da Integração Nacional e pede atenção para recuperação
da Barragem de Jucazinho e dos municípios afetados pelas chuvas de 2017
BRASÍLIA – O governador Paulo Câmara se reuniu hoje (16.05) com o novo ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua, para discutir os projetos de interesse de Pernambuco no âmbito da pasta. Entre os assuntos tratados, a liberação de recursos para o andamento das obras da Adutora do Agreste e as obras de reconstrução nos municípios da Mata Sul, que foram fortemente atingidos pelas chuvas do ano passado.

“O ministro nos assegurou o empenho de mais R$ 70 milhões para a Adutora do Agreste, garantindo as obras do 2º semestre, e o repasse de recursos até o final deste mês,
que vai viabilizar o andamento das obras e permitirá a inauguração da primeira etapa da adutora em Junho”, informou o governador.

Outro ponto abordado pelo governador pernambucano foi as obras de recuperação da Barragem de Jucazinho, que estão sob responsabilidade do DNOCS. “Jucazinho secou e foram identificados problemas. Agora a barragem voltou a pegar água e é fundamental que essas obras de recuperação sejam reiniciadas e concluídas”, explicou Paulo.

A audiência no Ministério da Integração Nacional contou com as participações do deputado federal Fernando Monteiro, do presidente da Compesa, Roberto Tavares, do secretário nacional de Infraestrutura Hídrica, Marcus Aurélius, do coordenador de Obras do Ministério, Stanley Bastos, da coordenadora de Orçamento e Finanças, Gilma Maciel, e do secretário nacional da Defesa Civil, coronel Renato Ramlow.

De acordo com Paulo Câmara, outro item importante da conversa com o ministro foi o pedido do Governo de Pernambuco da liberação de R$ 117 milhões para obras de reconstrução da infraestrutura dos municípios atingidos pelas chuvas de 2017 e mais R$ 27 milhões para a implantação da geomanta nas áreas de morro da região. “O Ministério, por meio da Defesa Civil Nacional, ficou de encontrar uma forma de viabilizar os recursos. O presidente Temer, que esteve em Pernambuco, após as chuvas de 2017, tem consciência da importância dessas obras de prevenção, pois estamos entrando no período chuvoso”, frisou.

Além de outros temas tratados, o governador externou a preocupação com a falta de regularidade da Codevasf no pagamento das contas de energia dos perímetros irrigados, a exemplo do Sistema Fulgêncio, em Santa Maria da Boa Vista. “Esses assentamentos são muito importantes, pois se tratam de pequenos produtores rurais que geram produtos da agricultura familiar para todas as regiões do Estado”, justificou o Governador.

Secretário de agricultura participa da entrega de certificados de conclusão da sexta turma do Horta em Todo Canto, em 2018

Cinquenta e três participantes receberam na tarde desta terça-feira (15), os certificados de conclusão da sexta turma do curso de agroecologia do projeto Horta em Todo Canto. A formação tem como foco disseminar com entidades públicas, civis e pessoas físicas técnicas de trato de hortas orgânicas nos espaços privados e públicos.
A formação acontece na sede do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), vinculada a Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco (SARA), e é dividida em quatro módulos. São aulas práticas e teóricas sobre: modelos para uma horta, preparação de solo, preparo de canteiro, tipos de pragas e como evitá-las, variedades de hortaliças, adubação, ferramentas necessárias para o manuseio, orientação nutricional dos alimentos cultivados e irrigação.
O curso tem uma carga horária de 32 horas/aula e contou com a participação de menores infratores em processo de ressocialização; militares do Corpo de Bombeiros de PE; estudantes da Faculdade Integrada Barros Melo (AESO) e do Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas da UFRPE (Codai – São Lourenço da Mata); reenducandos do Centro Reeducação Polícia Militar de PE(Creed – PE) ; membros da sociedade civil; do Secretário de Meio Ambiente e Turismo de Sirinhaém, Alfredo Ferraz; do Secretário Agricultura de Feira Nova, Joel Sebastião Pascoal.
 Os certificados de conclusão foram entregues pelo Secretário de Agricultura e Reforma Agrária de PE, Wellington Bastista; a presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Nedja Moura e demais componentes da instituição; além de representantes do Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (Ceasa – PE).
“Este curso só é possível através de uma ação conjunta, realizada com o objetivo de melhorar a qualidade de vida das pessoas que o fazem e incentivar a produção de alimentos de qualidade. A Secretaria de Agricultura, assim como os órgãos envolvidos estão sempre a disposição para contribuir no desenvolvimento de ações desse segmento”, reforça o secretário, Wellington Batista.
Um dos participantes, o secretário de Meio Ambiente de Sirinhaém, Alfredo Ferraz, falou da importância de disseminar o cultivo de horta orgânica na cidade. “É muito importante fazermos a multiplicação dessa formação em nosso município, pois vamos proporcionar a diminuição de resíduos e propiciar o cultivo de uma alimentação mais saudável com a nossa população”.
HORTA EM TODO CANTO –  Idealizado pela primeira-dama, Ana Luiza Câmara, o programa promove o cultivo de alimentos sem a utilização de agrotóxicos em equipamentos da administração estadual e instituições privadas. Sua inauguração foi na horta localizada no palácio do campo das princesas, em agosto de 2016. O horta é coordenado pela Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional de Pernambuco (Ciasan-PE).
Devidos ao período de chuvas o curso dará uma parada e voltará com as atividades a partir do mês de agosto de 2018. Aos interessados em participar da turma de agosto é preciso mandar nome completo e telefone de contato para o e-mail hortaemtodocanto@gmail.com.

2ª Corrida das Rosas reúne atletas de 50 cidades, campeão veio de Venturosa-PE

Em Flores, atletas de cidades de 50 (cinquenta) participaram, na manhã, desta terça-feira (16), da 2ª edição da 70ª Festa das Rosas; que este ano homenageia o saudoso maestro Moacir Santos. A largada foi dada, do Conjunto Residencial Eldorado e seguiu pelas principais ruas do município, sertanejo.

Policiais do 14º BPM montaram uma mega estrutura para atender o evento e também enviou militares/atletas que participaram da 2ª edição da atividade esportiva.

Este ano, a prefeitura garantiu R$ 2.800,00 (dois mil) em premiação em dinheiro, que foi entregue aos corredores campeões da sede e cidades visitantes, houve distribuição camisetas para os participantes e organização ofertou café da manhã.

Na categoria masculino/visitante, quem levou o primeiro lugar foi o atleta, Antônio Pereira da Silva, da cidade de Venturosa e masculino/sede, o atleta Janailson dos Santos Oliveira.

Na categoria, feminina/visitante, Maria Lucineide de Pesqueira ficou com a primeira colocação; já Marta Maria de Flores foi à primeira colocada. Houve entrega de medalhada para todos os participantes.

Para a Secretaria de Turismo e Eventos, um momento para agradecer. “Iniciamos a Festa das Rosas, com muito sucesso e a participação popular alavancou este momento. Agradecer a todos, em especial ao 14º Batalhão que participou na corrida e fazendo a segurança e ao nosso Secretário de Esportes Carlos Alberto, e agradecer a todos os atletas de, Venturosa, Serra Talhada, Pesqueira e de nossa cidade”, destacou Lucila.

Já o corredor, Antônio Pereira dos Santos, da cidade de Venturosa que acabou conquistando o primeiro lugar, disse que, “essa é a minha primeira vitória e daqui se Deus quiser, vou para São Silvestre…este é o meu sonho”.

As festividades segue neste quinta-feira (17), com inaugurações e homenagens a Moacir Santos.

O homem que viu Zé Limeira, em Tabira

O homem que viu Zé Limeira, filme produzido pela TV Senado em torno da vida e obra do poeta e escritor Orlando Tejo, será exibido nesta quinta-feira (17/05), na quarta sessão do ano do Cineclube do Verso, em Tabira – PE. Zé Limeira talvez seja o personagem mais folclórico do universo da cantoria de viola e Orlando Tejo, uma espécie de parceiro inventor dos versos mais estrambólicos da arte.
A sessão acontece na Casa da Cultura, às 19h30, com entrada franca, já que o projeto é incentivado pelo Funcultura. A sessão é acompanhada por intérpretes de Libras e seguida por debate e aula-espetáculo com o Poeta Patrimônio Vivo de Pernambuco, Dedé Monteiro.

PROGRAMAÇÃO DA FESTA DAS ROSAS 2018 (QUARTA-FEIRA, (16)

Nesta quarta-feira (16), Flores recebe a 70ª edição da Festa das Rosas. O primeiro dia de programação contará com a 2ª edição da Corrida das Rosas que começa às 7h, saindo do Eldorado na PE-320 e tendo como destino a Praça Dr. Santana Filho.
Ainda na quarta-feira, teremos a Caminhada de Combate ao Abuso e Exploração de Crianças e Adolescentes às 18h, para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes que acontece no próximo dia 18 de maio. A caminhada tem como objetivo, mobilizar a sociedade para o debate desse tema, além de fechar um ciclo de atividades realizadas pelas cidades de todo o país.
A programação se estende até o dia 18 de maio e contará com Shows musicais, exposição, corrida, inaugurações e muito mais.

PF pede mais 60 dias de prazo para concluir inquérito sobre Temer

 A Polícia Federal pediu nesta terça-feira (15) mais 60 dias para concluir o inquérito contra o presidente Michel Temer. Além dele, são investigados os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Minas e Energia), todos são do partido MDB.

A abertura da investigação aconteceu com o intuito de  apurar se a Odebrecht pagou propina na Secretaria de Aviação Civil quando o MDB comandava a pasta. Os possíveis crimes cometidos seriam o de lavagem de dinheiro, corrupção ativa e corrupção passiva.

Segundo informações do portal de notícias G1, o pedido, desta terça-feira, foi enviado ao ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator do caso na Corte. Antes da decisão, o pedido deverá ser encaminhado, pelo próprio ministro, para análise da Procuradoria Geral da República (PGR).

Decreto dos Portos
No último dia 7, o ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso autorizou  a prorrogação, por também 60 dias, de outro inquérito. A investigação é sobre o susposto favorecimento da empresa Rodrimar S/A na edição do chamado Decreto dos Portos, assinado em maio do ano passado pelo presidente Michel Temer. Na mesma

decisão, Barroso negou pedido da defesa de Temer para que o inquérito fosse arquivado.
Anteriormente, Temer negou todas as suspeitas. No início do ano, ele respondeu, por escrito,  a questionamentos dos delegados responsáveis pelo caso. No período, a defesa do presidente declarou que ele nunca foi procurado por empresários do setor portuário para tratar da edição do decreto.
Por Diario de Pernambuco

Tadeu Alencar alerta sobre projeto que muda Lei de Agrotóxicos

Líder do PSB a partir do mês que vem, o deputado Tadeu Alencar se posicionou contra o Projeto de Lei 6299/2002, que muda a Lei de Agrotóxicos, em ato da Frente Parlamentar Ambientalista, na tarde desta terça-feira (15). O parlamentar, integrante da frente, informou que o PSB irá se opor à medida, a ser analisada nesta quarta-feira (16) em sessão da comissão especial da Câmara dos Deputados formada para avaliar o tema. A proposição prevê, entre outros pontos, que os defensivos agrícolas podem ser liberados pelo Ministério da Agricultura mesmo se órgãos reguladores, como Ibama e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), não tiverem concluído suas análises.

“A aprovação desse projeto é um retrocesso! Enquanto o mundo todo avança para diminuir os riscos à saúde da população e ao ambiente, ele vem na contramão e expõe a sociedade brasileira a riscos de saúde pública”, afirmou Tadeu Alencar.

A medida recebe apoio da bancada ruralista. Segundo seus defensores, ela desburocratiza o processo de liberação e dá aos produtores rurais acesso a novos defensivos. A Frente Parlamentar Ambientalista, porém, acusa o projeto de ser muito permissivo e de abrir a porta para a entrada de produtos cancerígenos na agricultura, o que colocaria em risco a saúde pública e a proteção do meio ambiente. “Nenhum dos motivos alegados para a aprovação desse projeto dialoga com a saúde da população brasileira nem com a defesa do meio ambiente”, criticou Tadeu. O deputado atribuiu a medida ao avanço da agenda conservadora do governo Michel Temer.

O deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), que também integra a Frente Parlamentar, afirmou que o bloco irá tentar barrar no voto esta medida, mas que também irá usar do recurso da obstrução na comissão para que a proposta não avance. O projeto foi proposto em 2002 pelo então senador Blairo Maggi (MS) e hoje está sob a relatoria do deputado Luiz Nishimori (PR-PR), que deu parecer favorável à sua aprovação.

Prêmio ODS Brasil terá lançamento em Pernambuco dia 16/05 na Amupe

 A Amupe convida os gestores, secretários e sociedade civil para o lançamento do Prêmio ODS Brasil ,amanhã 16 na sede da Instituição

Será lançado oficialmente amanhã(16/-5)na Amupe, às 9h, o Prêmio ODS Brasil. Ele será apresentado aos prefeitos, secretários e a sociedade civil. Também estão sendo convidados instituições sem fins lucrativos e demais categorias. A premiação é uma iniciativa da Secretaria de Governo da Presidência da República por meio da Secretaria Nacional de Articulação Social (SNAS/SEGOV), e tem por objetivo incentivar, valorizar e dar visibilidade a práticas que  contribuam para o alcance das metas da Agenda 2030 em todo o território nacional.

Instituído pelo Decreto Presidencial nº 9.295, de 28 de fevereiro de 2018, a premiação será concedida bienalmente, até 2030. A intenção do Governo Federal é reconhecer projetos, programas, tecnologias ou outras iniciativas estruturadas que promovam soluções que contemplem os aspectos sociais, ambientais e econômicos – essenciais para inspirar e engajar pessoas e instituições, e multiplicar soluções sustentáveis.

Durante a cerimônia de lançamento do Prêmio em Brasília, o secretário nacional de Articulação Social e secretário executivo da Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (CNODS), Henrique Villa destacou que uma das finalidades do mesmo é servir de insumo para a criação de um banco de boas práticas para a disseminação da Agenda 2030 e mobilização dos diversos segmentos da sociedade civil e de governos para o apoio à Agenda 2030 Brasil.

“O Prêmio ODS Brasil tem o objetivo muito claro de ampliar o conhecimento de todos e todas em relação à Agenda 2030 e reconhecer o esforço dos parceiros locais que estão na linha de frente deste processo”, disse. Com ele “vamos reunir um conjunto de informações que vão nos dar a oportunidade de criar ferramenta que considero de fundamental importância para os pequenos e médios municípios brasileiros, sobretudo, que chamamos de banco de boas práticas, voltado para o fortalecimento da nossa caminhada até 2030”, acrescentou.

Durante o evento, o representante da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Prefeito José Patriota, falou da importância do Prêmio e da Agenda 2030, que para ele é uma ferramenta de união nacional.  “Nada do que estamos fazendo se justifica se não for para o bem estar da humanidade e para a promoção de uma sociedade mais justa e menos desigual. É essa reflexão que temos todos que fazer e é por isso que eu acho que essa Agenda chama todos, reúne todos de uma forma global”, ponderou.

O diretor de país do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Didier Trebucq, participou do evento e elogiou o empenho do Brasil em cumprir a Agenda 2030. “O Brasil já passou por etapas muito importantes, como a instalação da Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e a elaboração do seu Plano de Ação. Acho que o lançamento do Prêmio é outra etapa muito importante para reforçar a apropriação dessa agenda global pelos estados e municípios  brasileiros, em particular”, destacou.

Prêmio ODS Brasil

 O Prêmio é dividido em quatro categorias:

Governos – Práticas desenvolvidas pela administração direta ou indireta dos estados, Distrito Federal e municípios.

Organizações com Fins Lucrativos – Práticas desenvolvidas por setor produtivo e outras organizações da sociedade, com fins lucrativos.

Organizações sem Fins Lucrativos – Práticas desenvolvidas por organizações da sociedade, sem fins lucrativos.

Instituições de Ensino, Pesquisa e Extensão – Práticas desenvolvidas por instituições de ensino, pesquisa e extensão públicas e privadas.

Inscrições

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas, exclusivamente, por meio eletrônico, pelo preenchimento dos formulários disponibilizados no portal www.odsbrasil.gov.br, devendo observar as orientações constantes no Regulamento do Prêmio, detalhadas no Guia de Apresentação da Prática, disponibilizados no mesmo endereço eletrônico. As práticas poderão ser inscritas no período de 07 de maio de 2018, até às 24 horas do dia 29 de junho de 2018, observado o horário de Brasília/DF.  Cada entidade poderá inscrever até três práticas da sua categoria, devendo cada prática ser inscrita separadamente.  As práticas inscritas devem ter, pelo menos, um ano de existência na data da inscrição e possuir resultados mensurados.

 Critérios de avaliação

No processo de avaliação das práticas serão considerados os seguintes critérios: Resultados gerados, participação dos beneficiários, replicabilidade e existência de parcerias.

Premiação

As instituições responsáveis pelas práticas selecionadas em 1º, 2º e 3º lugares pelo Júri serão premiadas, simbolicamente, com o Prêmio ODS Brasil 2018 em cada categoria. Os demais classificados da etapa III receberão um diploma de menção honrosa. Todas as instituições responsáveis pelas práticas qualificadas para a etapa II do Prêmio receberão certificado de participação.  A cerimônia de premiação será realizada em evento na cidade de Brasília/DF, no mês de dezembro de 2018.

O QUE É A AGENDA 2030 PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL?

A Agenda 2030 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) faz parte de um Protocolo Internacional, assinado por 193 países, na Assembleia Geral das Organizações das Nações Unidas (ONU), em setembro de 2015, onde o Governo Brasileiro assumiu o compromisso de adotar um modelo de desenvolvimento sustentável, com metas a serem alcançadas até 2030. O Brasil, como sede da Conferência Rio+20, teve um importante papel na construção da Agenda e na promoção de amplo diálogo realizado com a sociedade civil e governos.

Com o propósito de não deixar ninguém para trás, foram definidos 17 Objetivos, 169 Metas e 232 Indicadores, a serem cumpridos até 2030. Destacam-se temas relevantes, tais como: erradicação da pobreza, saúde, educação, trabalho decente, inovação, consumo sustentável, combate à mudança do clima, paz e parcerias.

QUAIS SÃO OS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL (ODS)?

ODS 1 – Acabar com a pobreza;

ODS 2 – Acabar com a fome, segurança alimentar, nutrição e agricultura sustentável;

ODS 3 – Assegurar vida saudável em todas as idades;

ODS 4 – Assegurar educação para todos;

ODS 5 – Alcançar igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas;

ODS 6 – Assegurar gestão sustentável da água e saneamento para todos;

ODS 7 – Assegurar energia para todos;

ODS 8 – Promover crescimento econômico e trabalho decente para todos;

ODS 9 – Construir infraestruturas resilientes e fomentar a inovação;

ODS 10 – Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles;

ODS 11 – Tornar as cidades e assentamentos humanos sustentáveis;

ODS 12 – Assegurar produção e consumo sustentáveis;

ODS 13 – Combater a mudança do clima e seus impactos;

ODS 14 – Conservar oceanos e recursos marinhos;

ODS 15 – Proteger ecossistemas terrestres e deter a perda de biodiversidade;

ODS 16 – Promover sociedades pacíficas e inclusivas, acesso à justiça e instituições eficazes; e

ODS 17 – Fortalecer meios de implementação e parcerias.

UPAE e HDM lembram o Dia Nacional do Controle das Infecções Hospitalares

UPAE e HDM lembram o Dia Nacional do Controle das Infecções Hospitalares

O dia 15 de maio ficou conhecido como Dia Nacional do Controle das Infecções Hospitalares, após ser instituído pelo Ministério da Saúde, em 23 de junho de 2008.

A data visa conscientizar, prevenir e reduzir os números de casos desse tipo de infeção no Brasil, que atinge geralmente o trato urinário e o sistema respiratório.

Acredita-se que a higienização das mãos seja a forma mais eficaz e barata contra as infecções hospitalares. Segundo a OMS, se a medida fosse adotada corretamente os casos de infecção diminuiriam em 70%.

Na UPAE e no Dom Malan, ambos geridos pelo IMIP em Petrolina, o Núcleo de Educação Permanente e o Núcleo de Epidemiologia fazem trabalhos educativos e de conscientização com relação a essa e outras medidas. Como resultado, a UPAE conseguiu um índice de infecção hospitalar 20 vezes menor do que o preconizado pelo Ministério da Saúde.

É bom lembrar que a higienização das mãos deve ser feita por todos os profissionais de saúde, visitantes e acompanhantes, visando o controle de doenças e a infecção cruzada.

Profissionais de enfermagem da UPAE/IMIP de Petrolina são homenageados

Profissionais de enfermagem da UPAE/IMIP de Petrolina são homenageados

De 12 a 20 de maio, a Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) comemora a Semana de Enfermagem, em alusão ao Dia do Enfermeiro e ao Dia do Técnico e Auxiliar de Enfermagem. A celebração teve início com um almoço especial nesta segunda e terça-feira, bolo e parabéns, além das lembranças que ainda serão distribuídas.

De acordo com a coordenadora geral, Grazziela Franklin, que também é enfermeira, a categoria é bem representada na Unidade, assumindo inclusive um papel de protagonismo. “Aqui na UPAE nós temos enfermeiros à frente de quase todos os cargos de gestão. Isso inclui as gerências, coordenação de enfermagem e coordenação geral. Tenho muito orgulho disso e sempre fico feliz quando vejo um colega de profissão com autonomia, poder de decisão e participação”, destacou em seu discurso.

Grazziela ainda ressaltou o empenho e coesão da equipe. “Temos profissionais muito competentes e com alto nível de qualidade. Isso faz toda a diferença no nosso dia a dia, por exemplo. Dessa forma, o ciclo de assistência à saúde se torna completo e a UPAE consegue ser essa referência em atendimento para Pernambuco. O nosso sentimento hoje é de gratidão”, ponderou.