zulenealves

Confira a previsão do tempo para esta terça-feira (15) em Pernambuco

Confira a previsão do tempo da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) para esta terça-feira (15), em todo o estado de Pernambuco: Região Metropolitana do Recife, Mata Norte, Mata Sul, Agreste, Sertão e Sertão do São Francisco.

Veja a previsão completa por região:

Região Metropolitana

Parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada nas primeiras horas da manhã e noite com intensidade fraca.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 32° Mínima: 23°

Mata Norte 

Parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada nas primeiras horas da manhã e noite com intensidade fraca.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 32° Mínima: 23°

Mata Sul 

Parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada nas primeiras horas da manhã e noite com intensidade fraca.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 32° Mínima: 22°

Agreste 

Parcialmente nublado sem chuva de forma isolada ao longo do dia.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 34° Mínima: 17°15

Sertão de Pernambuco 

Parcialmente nublado sem chuva em toda a região ao longo do dia.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 37° Mínima: 18°

Sertão de São Francisco 

Parcialmente nublado sem chuva em toda a região ao longo do dia..
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 37° Mínima: 23°

OUVIDORIA DE AFOGADOS DA INGAZEIRA FOI CITADA COMO REFERENCIA NO ESTADO DE PERNAMBUCO

Zezinha

Durante a realização do Seminário: Controle interno para uma Governança Anticorrupção no dia 09/12 que contou com a participação de representantes da Controladoria Geral da União e Tribunal de Contas da União, a Ouvidoria Municipal de Afogados da Ingazeira – PE foi citada como referencia no Estado pela participação ativa e responsável no Controle Social e fortalecimento da Cidadania.


Apac renova alerta de fortes chuvas no Sertão de Pernambuco

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) renovou aviso meteorológico para chuva com intensidade moderada a forte no interior de Pernambuco. O alerta é válido até a noite desta quarta-feira (04), e vale para o Sertão do São Francisco e o Sertão de Pernambuco. As cidades do Agreste e do Sertão foram alvos de fortes chuvas na última segunda-feira (02). A mais afetada foi Sanharó, que contabilizou 289 milímetros de precipitação, segundo monitoramento da Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac).

Segundo a Agência, a precipitação pode se formar devido a influência do sistema Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS).

“As chuvas que atingiram o Agreste e Sertão desde a segunda-feira (02) foram provocadas devido à influência do sistema Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) e a previsão do tempo indica que o sistema deve continuar no Sertão Pernambucano, e por isso o Aviso continuará vigente para aquelas mesorregiões, até esta quarta-feira (04), enquanto que no Litoral (Zona da Mata e RMR) não há previsão de chuvas”, diz a nota. 

No Agreste, ainda há previsão de chuva com menor intensidade.

Em caso de necessidade, os moradores podem contatar a Defesa Civil do Estado de Pernambuco no telefone (81) 3181-2490.

Prova de vida de servidores aposentados é suspensa até 31 de outubro

Os servidores federais aposentados, pensionistas e anistiados políticos civis não precisarão fazer a prova de vida anual (recadastramento) até 31 de outubro. O prazo, que acabaria na próxima quarta-feira (30), foi prorrogado por instrução normativa publicada ontem (28) no Diário Oficial da União.blankblank

Segundo a Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia, o adiamento teve como objetivo reduzir a possibilidade de contágio dos beneficiários pelo novo coronavírus. De acordo com a pasta, a medida foi necessária porque a maioria desses servidores são idosos e integram o grupo de risco para a covid-19.

A prova de vida dos servidores federais está suspensa desde 18 de março. Inicialmente, o recadastramento tinha sido suspenso por 120 dias, até 16 de julho. O prazo tinha sido estendido para 30 de setembro por outra instrução normativa.

Os beneficiários que excepcionalmente tiveram o pagamento das aposentadorias e pensões suspensos antes de 18 e março podem pedir o restabelecimento do benefício. Basta acessar o Sistema de Gestão de Pessoas (Sigepe) e pedir, no campo “Requerimento”, o documento “Restabelecimento de Pagamento – Covid-19”. O servidor receberá um comunicado do deferimento ou não do seu requerimento por e-mail enviado automaticamente pelo Sigepe.

A Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal estabelecerá posteriormente o prazo e a forma para realização da comprovação de vida dos servidores contemplados na suspensão da prova de vida anual, assim como dos que tiveram o pagamento excepcionalmente restabelecido por solicitação via Requerimento do Sigepe. A partir da confirmação do deferimento, caberá à Unidade de Gestão de Pessoas de cada órgão restabelecer o pagamento, obedecendo ao cronograma mensal da folha.

Mais informações estão disponíveis no Portal do Servidor.

CONFIRMADO: AFOGADOS VAI GANHAR DEZ LEITOS DE UTI

O Governador Paulo Câmara anunciou na manhã deste sábado (25) a instalação de dez leitos de UTI’s, com hemodiálise, no Hospital Regional Emília Câmara.

Ao lado do Prefeito José Patriota, do vice Alessandro Palmeira e do secretário de saúde do estado, André Longo, Paulo Câmara destacou a importância das parcerias com a Prefeitura e estimou para dez de agosto o prazo para a instalação dos leitos.

O anúncio foi feito durante a inauguração do Hospital Eduardo Campos, em Serra Talhada.

 

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que há dois novos casos positivos para covid-19 em nosso município.

1. Paciente do sexo feminino, 05 anos, contato de caso positivo recentemente divulgado, testou positivo em nossa unidade de campanha. Apresenta sintomas leves e está em isolamento domiciliar, acompanhada pela equipe de Saúde da Família e Vigilância em Saúde.
2. Paciente do sexo feminino, 26 anos, atendente comercial, apresentou sintomas gripais. Foi avaliada pela equipe de nossa unidade de campanha e após tempo preconizado pelo MS realizou teste o qual deu positivo. A mesma está bem, isolada, e segue monitorada pela equipe da Atenção Básica e Vigilância me Saúde.

Hoje tivemos três pacientes recuperados da covid-19 após avaliação médica e epidemiológica.

Foram 34 testes com resultados negativos para covid-19, incluindo o de um paciente cujo caso encontrava-se em investigação.

Governo do Estado completa três meses de ações no combate à Covid-19

Mesmo antes da confirmação do primeiro caso, as primeiras iniciativas foram tomadas para estruturar a vigilância epidemiológica

O Governo de Pernambuco completa, nesta sexta-feira (12), três meses dos dois primeiros casos confirmados de Covid-19 no Estado. Neste período, diversas ações foram colocadas em prática pelo Governo de Pernambuco para o enfrentamento da pandemia. No entanto, os primeiros passos desse trabalho aconteceram ainda em janeiro, antes mesmo da confirmação do primeiro caso da Covid-19 no Brasil, quando o Estado, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), tomou as primeiras iniciativas para estruturar a vigilância epidemiológica e a assistência na rede pública para possíveis casos suspeitos do novo coronavírus.

“Mesmo sem a confirmação de casos da Covid-19, Pernambuco já estava com a rede orientada e com capacidade para acolher os pacientes suspeitos, prestando a devida assistência com a elaboração e atualização de protocolos clínicos para orientar as equipes e com a abertura de leitos em unidades de referência”, pontou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Desde o início, o Governo do Estado atuou com determinação para qualificar e ampliar a rede de assistência às pessoas suspeitas ou confirmadas para Covid-19. Em três meses, foram 1.594 leitos efetivamente abertos, sendo 721 de UTI, espalhados por 40 hospitais de todas as macrorregiões de Saúde. Para tanto, foi montado um plano regionalizado para oferta de vagas, que estão sendo ocupadas de acordo com os encaminhamentos feitos pela Central de Regulação Estadual, que também teve sua capacidade física e de recursos humanos ampliados. CONTINUAR LENDO

Paulo Câmara subscreve Carta do Consórcio Nordeste repudiando a perseguição a gestores e condenando invasão a hospitais

“Não é invadindo hospitais e perseguindo gestores que o Brasil vencerá a pandemia” 
 
Os governadores de Estado têm lutado fortemente contra o coronavírus e a favor da saúde da população, em condições muito difíceis.
 
Ampliamos estruturas e realizamos compras de equipamentos e insumos de saúde de forma emergencial pelo rápido agravamento da pandemia. Foi graças à ampliação da rede pública de saúde, executada essencialmente pelos Estados, que o país conseguiu alcançar a marca de 345 mil brasileiros recuperados pela Covid-19 até agora, apesar das mais de 41 mil vidas lamentavelmente perdidas no país.
 
Desde o início da pandemia, os Governadores do Nordeste têm buscado atuação coordenada com o Governo Federal, tanto que, na época, solicitamos reunião com o Presidente da República, Jair Bolsonaro, que foi realizada no dia 23/03/2020, com escassos resultados. O Governo Federal adotou o negacionismo como prática permanente, e tem insistido em não reconhecer a grave crise sanitária enfrentada pelo Brasil, mesmo diante dos trágicos números registrados, que colocam o país como o segundo do mundo, com mais de 800 mil casos.
 
No último episódio, que choca a todos, o presidente da República usa as redes sociais para incentivar as pessoas a INVADIREM HOSPITAIS, indo de encontro a todos os protocolos médicos, desrespeitando profissionais e colocando a vida das pessoas em risco, principalmente aquelas que estão internadas nessas unidades de saúde. 
 
O presidente Bolsonaro segue, assim, o mesmo método inconsequente que o levou a incentivar aglomerações por todo o país, contrariando as orientações científicas, bem como a estimular agressões contra jornalistas e veículos de comunicação, violando a liberdade de imprensa garantida na Constituição. 

CONTINUAR LENDO

Governo do Estado contabiliza mais de sete mil atendimentos no combate à Covid-19

A data de hoje marca os 90 dias dos dois primeiros casos confirmados do coronavírus em Pernambuco

O governador Paulo Câmara fez, nesta sexta-feira (12.06), um balanço dos três últimos meses de ações voltadas para o combate à pandemia do novo coronavírus. Segundo o gestor estadual, mais de sete mil pernambucanos receberam atendimento nos 1,6 mil leitos criados em todas as regiões do Estado, sendo 700 de UTI e 900 de enfermaria. Além disso, o governador informou ainda, que o Hospital Universitário Oswaldo Cruz registrou no dia de hoje a milésima alta médica de um paciente internado com o coronavírus.

“Estes números refletem as vidas que foram salvas e justificam qualquer esforço realizado. Foi também uma marca muito importante para o enfrentamento à Covid-19, atingida pelo nosso hospital universitário. Parabenizo todos os profissionais que têm se dedicado, tanto no Oswaldo Cruz, quanto em todas as unidades de saúde, na linha de frente do combate ao novo coronavírus”, disse o governador.

Ainda de acordo com Paulo Câmara, a expansão da rede de saúde no interior continua. “Hoje entrou em operação o hospital da campanha de Caruaru. Os primeiros 20 leitos estão em funcionamento e nos próximos 30 dias deveremos atingir a capacidade máxima, que é de 100 vagas”, assegurou o chefe do Executivo Estadual. Nos próximos dias, o Governo do Estado vai abrir os hospitais de campanha de Serra Talhada e de Petrolina, com 100 leitos, cada.

O governador pontuou ainda que o Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19 entra em uma nova fase na próxima segunda-feira, dia 15, com a abertura do comércio de rua e dos salões de beleza e estética. No entanto, alertou para a observação das curvas de contágio que são determinantes para este planejamento. “Não vamos hesitar em fazer alterações, de acordo com as orientações das autoridades de saúde e científicas. Como já fizemos ao decidir que 85 cidades das Matas Sul e Norte e de parte do Agreste permaneceriam sem flexibilizar as medidas restritivas”, finalizou.