Rede UniFTC estimula pesquisa entre jovens estudantes do ensino médio e superior

Com o objetivo de incentivar a iniciação científica, a Rede UniFTC publica anualmente editais de pesquisa dando oportunidade a alunos do ensino médio e superior a receberem bolsas e ganharem novas experiências em trabalhos acadêmicos. A ação visa despertar o interesse da comunidade estudantil em movimentar novos conhecimentos e competências, bem como induzir a execução de pesquisas nas mais diversas áreas do conhecimento, trazendo conceitos inovadores e tecnológicos.

Este ano, quatro projetos de pesquisa foram aprovados na região do Vale do São Francisco, sendo um para estudantes do ensino médio e três para alunos da UniFTC de Petrolina e Juazeiro. Os aprovados precisam manter um bom ritmo de estudo, executar o projeto durante um ano, com apoio de seus professores orientadores e ainda recebem bolsas de Iniciação Científica.

Com o projeto “Orientação nutricional durante e pós pandemia visando uma alimentação saudável para crianças”, a aluna do 6º período do curso de Nutrição, da Faculdade UniFTC de Juazeiro, Emanuela Monteiro Coelho foi a ganhadora da bolsa e contará com a orientação da professora Sibery dos Anjos.

Projeto estimula criatividade em estudantes

Emanuela conta que a ideia do projeto surgiu a partir de conversas com amigos e parentes que estão tendo muitas dificuldades com a alimentação das crianças neste período de pandemia. “O período gerou uma rotina diferente desde março e ouvi vários relatos de pais afirmando que devido ao sedentarismo, as crianças estão engordando muito. Pela ausência de aulas e falta do convívio social, a pandemia afetou também a saúde emocional e psicológica delas”, comentou.

O objetivo é realizar palestras com ensinamentos teóricos e práticos sobre nutrição infantil. “A expectativa é que o projeto motive estas crianças de forma positiva, com atividades que ativem a autoestima e autoconfiança, além de contribuir na minha formação acadêmica. Meu sentimento é de gratidão por ter sido selecionada, pois gosto muito da área de pesquisa”, explicou satisfeita.

Na UniFTC de Petrolina o projeto que obteve aprovação tem como assunto “Estudo das correlações dos eventos estressores, protetivos e resilientes em docentes do ensino fundamental do Vale do São Francisco, em tempo de pandemia do SARS-COV-2”, da aluna do curso de Psicologia, Márcia Moreira, que está recebendo impulso, nas pesquisas, através da orientação da professora Laila Barbosa de Santana.

A selecionada do ensino médio, com bolsa CNPq, foi Maryana Freitas da Silva, que estuda o   primeiro ano na Escola Antonio Padilha. O tema da pesquisa “O avanço das tecnologias digitais no Ensino Médio”, com o direcionamento da professora Deise Laura Cocco. A vigência das bolsas e da pesquisa é de 1 ano.

Animada com a pesquisa, Maryana disse que tem certeza que vai ganhar muitas experiências interessantes para sua carreira. “É uma maneira de aprofundarmos nossos estudos e empreendermos na vida profissional. Minha expectativa é elaborar uma pesquisa bem embasada para levar informações úteis para as pessoas. Quero ir além da pesquisa”, informou confiante e cheia de energia.

 “A Rede UniFTC dispõem da Iniciação Científica, mais uma oportunidade de aprendizagem ao aluno”, enfatiza o diretor Andrei Mello, que completa dizendo que é uma forma de conceder autonomia e desenvolver conhecimentos em áreas específicas, assim como oferecer novos desafios aos professores da UniFTC e comunidade em geral. Ganham os docentes e discentes, pois serão adquiridas novas experiências como pesquisadores, realizam publicações e melhoram seus currículos ”, ressalta o gestor.

Bolsas de pesquisas científicas

Anualmente a Rede UniFTC lança editais de Pesquisa com base no calendário do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), uma entidade ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, objetivando o crescimento da pesquisa no Brasil.

As bolsas são concedidas pela Rede UniFTC, pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB), assim como pelo CNPq, responsável também para definição dos valores das bolsas.

Neste semestre, a UniFTC publicou 3 editais de incentivo à pesquisa e seleção para bolsas, sendo eles: PIBIC/FAPESB/CNPq/FTC e PIBIT/CNPq/FTC,ambos do nível superior, assim como uma seleção para Bolsa PIBIT Ensino Médio CNPq.

Paulo Câmara anuncia investimento de R$ 47,2 milhões na agricultura familiar de Pernambuco

Ao todo, cerca de 700 mil pessoas serão contempladas em 134 municípios do Estado

O governador Paulo Câmara anunciou, nesta terça-feira (29), um investimento de R$ 47,2 milhões voltado para os agricultores e agricultoras familiares de Pernambuco e para a população em situação de vulnerabilidade social. O valor investido é proveniente da edição 2020-2021 do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) Federal, na modalidade Compra com Doação Simultânea, e do Programa Leite de Todos (PAA Leite). A iniciativa beneficiará cerca de 700 mil pessoas em 134 municípios do Estado. O anúncio contou com a presença do ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

“É um olhar importante para a Zona Rural, para o setor produtivo e para quem atua no campo. E um olhar importante também para a questão nutricional da nossa população. Vai ao encontro do que a gente acredita, de fazer parcerias e, ao mesmo tempo, movimentar o setor econômico, principalmente em uma camada social que precisa desse apoio. Vai fazer a diferença para os próximos meses, tão difíceis diante do momento que estamos enfrentando na pandemia do novo coronavírus”, afirmou Paulo Câmara.

O PAA Federal investirá R$ 12,89 milhões, beneficiando 13.540 trabalhadores rurais. Os alimentos adquiridos por meio do programa serão doados para mais de 700 entidades socioassistenciais de todas as regiões – como creches, escolas, Instituições de Longa Permanência para Idosos e outras instituições que atendem a populações em situação de vulnerabilidade social e alimentar. Já o Programa Leite de Todos (PAA Leite) conta com um investimento total de R$ 24,3 milhões, sendo R$ 19,5 milhões do Ministério da Cidadania, com uma contrapartida de R$ 4,8 milhões do Governo de Pernambuco. O programa prevê a compra mensal 984,37 mil litros de leite, tanto de vaca quanto de cabra, e uma média de 32 mil famílias beneficiadas por mês.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto, o Programa de Aquisição de Alimentos adquire produtos da agricultura familiar e cria um mercado importante. Dessa forma, o agricultor vende seus produtos a preço de mercado, e esses produtos são, simultaneamente, distribuídos à população vulnerável. “O PAA Doação Simultânea faz todo o processo de organização, de busca e cadastramento dos agricultores e, do outro lado, através das secretarias da área social, a gente faz o repasse em cada um daqueles municípios onde é feita a aquisição dos alimentos. Já na modalidade de PAA do leite, o programa adquire leite de vaca e leite de cabra diretamente dos produtores e faz a distribuição para as comunidades vulneráveis, em cada município, através das secretarias de ação social”, explicou Dilson.

A liberação dos recursos, pelo Ministério da Cidadania, atende a uma reivindicação conjunta dos Estados do Nordeste, apresentada no início da pandemia global do novo coronavírus como medida para minimizar os efeitos da Covid-19 na agricultura familiar e nos municípios da região, priorizando as cidades com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e situação de alta e média vulnerabilidade social e alimentar. A fase de cadastramento dos fornecedores e das entidades assistenciais foi concluída em agosto e o prazo de execução dessa edição do programa é de 12 meses.

CONAB – Além dos recursos destinados ao PAA Federal e PAA Leite operados pelo Governo de Pernambuco, o Governo Federal vai destinar R$ 10 milhões para a aquisição de produtos agrícolas de associações e cooperativas agrícolas também destinados à doação a entidades socioassistenciais na modalidade operada pela Conab no Estado.

Participaram da solenidade o secretário especial do Ministério da Cidadania Sérgio Queiroz (Desenvolvimento Social) e o secretário nacional Ênio Marques (Inclusão Social e Produtiva), os deputados federais Danilo Cabral e Tadeu Alencar, o secretário estadual de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides e o diretor-presidente do IPA, Reginaldo Alves.

Link para o vídeo: https://we.tl/t-ljN2WwtrvM

Petrolina é destaque nacional em urgência e emergência cardiológica

Palpitações: quando o coração perde o ritmo - Jornal da Paraíba

 Referência em assistência cardiológica de urgência e emergência, o Hospital Unimed de Petrolina é hoje o único pronto socorro, com cardiologista de plantão 24 horas no Vale do São Francisco.

O serviço multiespecializado e com tecnologia de ponta vem permitindo avanços significativos nos procedimentos de urgência e emergência de patologias que ocorrem com maior frequência, a exemplo do infarto agudo do miocárdio, insuficiência cardíaca e arritmias cardíacas.

De acordo com o diretor clínico, coordenador do serviço de Cardiologia e Hemodinâmica do hospital e médico cardiologista, Fernando França, o aparato tecnológico aliado a uma equipe formada por cardiologistas, intervencionistas, e cocardiografistas, arritmologistas, cirurgiões cardíacos e intensivistas, garante tratamentos com resolutividade, segurança e rapidez.

Fernando França enfatizou ainda os procedimentos realizados no setor de Hemodinâmica a exemplo do cateterismo cardíaco, implante de marca passo e urgências vasculares. “Contamos com uma máquina moderna, única neste modelo na região, que permite a imagem adequada nas áreas de cardiologia, neurologia e radiologia intervencionista, como por exemplo angiografia e embolização de aneurismas cerebrais”, ressaltou.

O Serviço de Cardiologia e Hemodinâmica do Hospital Unimed de Petrolina também vem se destacando pela realização inédita de procedimentos de alta complexidade no Vale do São Francisco. Já se tornaram conhecidos e estudados em todo Brasil o primeiro implante Transcateter de Válvula Aórtica (TAVI) e a primeira Angioplastia de Oclusão Coronariana Crônica (CTO). “Procedimentos novos no Brasil e no mundo que até bem pouco tempo somente eram feitos nos grandes centros”, pontuou o diretor clínico, acrescentando ainda uma série de progressos alcançados no diagnóstico de doenças a partir do trabalho desenvolvido no Centro de Diagnóstico Unimed (CDU) do Hospital Unimed de Petrolina.

“Temos um centro de diagnóstico que vem permitindo a realização de exames de imagem a exemplo de Tomografia Computadorizada e Ressonância Magnética com tecnologias avançadas e métodos complexos que garantem um direcionamento certo aos médicos nas áreas cardiológica, neurológica e vascular”, concluiu.

Adesivaço contagia os apoiadores de Ângelo Ferreira em Sertânia

O candidato a prefeito pela coligação Frente Popular de Sertânia, Ângelo Ferreira (PSB), participou do primeiro adesivaço na tarde desta segunda-feira (28), na Praça da Bandeira, na sede do município. A ação reuniu várias pessoas que paravam para colocar a marca do 40 em seus veículos, comparecendo para demonstrar apoio e confiança na gestão atual e confiantes na vitória de Ângelo. O adesivaço não aglomerou os apoiadores que estiveram presentes e todos estavam usando máscaras de proteção devido à Covid-19.

Ângelo cumprimentou os militantes, conversou com os apoiadores e ainda ajudou a adesivar alguns carros. Ele sentiu a energia positiva dos seus eleitores, que estavam contagiados com a onda 40. “É sempre muito contagiante o apoio que a gente sente da população nas ruas, gente que acredita no nosso trabalho, reconhece as conquistas da nossa gestão. Hoje foi mais um passo importante, que demonstrou o apoio dos sertanienses ao nosso trabalho. Tinha até pessoas que na eleição passada não estavam conosco e hoje estão aqui reconhecendo que somos o melhor para Sertânia seguir avançando”, contou ele muito satisfeito com o adesivaço do 40.

Para um dos apoiadores do socialista, marcar presença nesse evento é questão de honra. “Ângelo é o melhor prefeito que Sertânia já teve. Estar aqui hoje é um compromisso, pois ele merece todo o nosso apoio devido ao seu excelente trabalho realizado na nossa cidade, que hoje é reconhecida por ter uma gestão que trabalha com compromisso e que respeita a população. O homem trabalha muito, tem que respeitar”, disse o comerciante de 44 anos, Gildo Ferreira da Silva, residente no bairro Vila da Cohab.

A juventude sertaniense também marcou presença e reconheceu os avanços em diversas áreas. É o que conta o jovem designer de 21 anos, Renan de Oliveira, morador da Vila da Cohab Nova. “Meu primeiro voto foi para Ângelo, quando a gente vinha de um Governo desfalcado nas áreas de educação, saúde, etc., e como Ângelo já tinha um trabalho prestado ao nosso município e já vinha como deputado trabalhando em todo o Estado, eu sabia que ele ia colocar nosso município novamente no caminho do desenvolvimento e retomar os avanços que Sertânia tinha em sua gestão”, contou.

Além dos apoiadores e militantes de Ângelo Ferreira, o adesivaço contou com a presença do candidato a vice-prefeito, Antônio Almeida, de vereadores e candidatos a vereadores.

Deputado Federal Tadeu Alencar recebe Arimatéa de Carvalho

O deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PE) recebeu, nesta segunda-feira, em seu escritório político no Recife, o candidato ao cargo de prefeito de Toritama, Arimatéa de Carvalho, que estava acompanhado do ex-prefeito Odon Ferreira. O parlamentar e o candidato conversaram sobre o cenário político da cidade neste momento de campanha eleitoral e também trataram sobre projetos futuros em benefício dos toritamenses.“Tivemos uma conversa muito boa pensando o futuro de Toritama e em ações para melhorar a vida da população, que passará a receber um novo tratamento sob os cuidados de Arimatéa, estimulando a destinação de nossas emendas parlamentares”, comentou Tadeu Alencar.

A confiança de Tadeu em melhorar a vida da população de Toritama ao lado de Arimatéa se dá pelos serviços já prestados pelo candidato ao longo de seus 38 anos a serviço da população.

“Foram oito mandatos como vereador, sendo presidente da Câmara Municipal por sete oportunidades. E Arimatéa ainda tem o histórico como vice-prefeito da cidade, que pesa a seu favor neste momento e por isso confio que podemos, juntos, construir um novo tempo para Toritama, com desenvolvimento e inclusão”.

O deputado federal Tadeu Alencar já esteve em Toritama na convenção que confirmou Arimatéa e Nita Travassos como candidatos e pretende voltar nos próximos dias, para, guardando os cuidados com a pandemia, participar de atos da campanha.

Bolsonaro inaugura obra hídrica em São José do Egito nesta quinta

Foto: Marcos Corrêa/PR

O Palácio do Planalto confirmou, nesta segunda-feira (28), que o presidente Jair Bolsonaro viajará até a cidade de São José do Egito, no Sertão pernambucano, na próxima quinta-feira (1º). O presidente irá inaugurar a segunda etapa do Sistema Adutor do Pajeú.
Esta é a segunda visita de Bolsonaro a Pernambuco. Em maio de 2019, o presidente esteve no Recife para uma reunião com governadores do Nordeste e também foi a Petrolina para inauguração de uma obra do ramo habitacional.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Novo fundo vai destinar US$ 68 milhões para agricultura sustentável no Brasil

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil  

Por: FolhaPress

Num momento em que o agronegócio brasileiro passa por duro escrutínio internacional devido aos seus impactos sobre o meio ambiente, um novo fundo pretende destinar US$ 68 milhões (R$ 385 milhões) em 2021 à agricultura sustentável no país.
Segundo os responsáveis pelo fundo, o valor deve ser ampliado ano a ano, podendo chegar a US$ 1,4 bilhão (R$ 7,9 bilhões) em 2026, o que superaria o Fundo Amazônia, que até 2019 havia recebido doações de R$ 3,4 bilhões.
Lançada nesta terça-feira (29), a iniciativa é uma parceria público-privada entre Embrapa, John Deere, Syngenta, Cocamar, Ceptis, Bradesco, Soesp, Iabs (Instituto Brasileiro para o Desenvolvimento e Sustentabilidade) e JPG Asset Management.
“O fundo demonstra que é possível atrair recursos internacionais para o agronegócio brasileiro, desde que nós tenhamos uma nova postura, em que a gente consiga transparecer de forma segura que a produção agropecuária nacional é composta em sua maioria de produtores que estão em conformidade ambiental e social”, diz José Pugas, sócio da Ceptis Agro, empresa que será responsável por monitorar a conformidade das fazendas a uma série de critérios ambientais e sociais.
O recurso será destinado a agricultores de todos os portes que adotem em pelo menos 5% da área produtiva a chamada estratégia de ILPF (integração lavoura-pecuária-floresta) ou para financiar a implantação do modelo em igual proporção num período de até três anos.
A integração lavoura-pecuária-floresta combina diferentes culturas em uma mesma área de produção. Segundo Pugas, isso permite produzir mais em menos espaço, evitando a expansão de fronteiras agrícolas e o desmatamento e reduzindo a emissão de gases do efeito estufa.
Conforme o executivo, o Brasil possui atualmente 17 milhões de hectares que adotam esse sistema -ou 170 mil quilômetros quadrados, equivalente em tamanho ao estado do Acre- e a meta da Rede ILPF, responsável pelo novo fundo, é chegar a 30 milhões de hectares até 2030.
Um projeto-piloto deve ser implantado até julho de 2021, totalizando 90 mil hectares em setes estados -Paraná, São Paulo, Bahia, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.
Gerido pela JPG Asset Management e com o Bradesco como custodiante, o Saff (sigla em inglês para Financiamento Facilitado para Agricultura Sustentável) deve reunir recursos de fontes filantrópicas, concessionais -como bancos internacionais de desenvolvimento e fundos soberanos- e comerciais tradicionais.
“Começaremos o road show para investidores privados a partir de 20 de outubro”, diz Pugas, acrescentando que a primeira rodada de captação de recursos privados será destinada a 60 investidores reunidos no Laboratório de inovação global para finanças climáticas do IFC (Corporação Financeira Internacional), braço do Banco Mundial para o setor privado.
Entre os critérios para que os fazendeiros possam acessar os recursos estão o cumprimento integral do Código Florestal, além de critérios de conformidade social, como não ter o nome inscrito na lista suja do trabalho análogo à escravidão e não ter condenações por trabalho infantil. Além desse critério mínimo, serão analisadas 140 variáveis através de um sistema de monitoramento chamado TrustScore, e quanto mais pontos o agricultor atingir, menores podem ser os juros do financiamento.
O financiamento pelo Saff deve ter custo de 4,5% a 9,1% ao ano para o produtor, dependendo do prazo de amortização e carência, do uso do crédito e da nota no sistema de monitoramento. Os agricultores também poderão usar créditos de carbono para reduzir o custo do financiamento.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Miguel Coelho reafirma prioridade para segurança pública e implantação de iluminação de LED em toda Petrolina

 Responsável por ter implantado um grande programa de reestruturação da segurança municipal em Petrolina, Miguel Coelho reforçou seu compromisso com a proteção dos petrolinenses. O candidato à reeleição pelo MDB apresentou em reuniões, nesta segunda (28), algumas das propostas para a segurança e iluminação da cidade sertaneja.

 Entre as novas ideias de Miguel está a criação das unidades de operação de cães e a patrulha ambiental da Guarda Civil. O emedebista ainda quer aumentar os investimentos em equipamentos de segurança como fez nos últimos anos ao adquirir dezenas de viaturas, pistolas, coletes entre outros. Por fim, o prefeito assegurou que vai convocar os alunos em treinamento do concurso para reforçar o efetivo da Guarda Civil de Petrolina.

Ação que garante também maior segurança no período noturno, a iluminação seguirá no foco do candidato. Miguel investiu em três anos mais de R$ 30 milhões no programa Mais Luz e agora o compromisso é concluir uma parceria público-privada para instalar LED (luminária mais potente) em todos os bairros de Petrolina. “Revolucionamos a Guarda Civil e investimos pesado no Mais Luz. Fizemos isso porque Petrolina não aceitava mais um prefeito que ignorasse a segurança. Nossa cidade passou a ser uma das mais seguras de Pernambuco. Continuaremos priorizando a proteção das pessoas com uma Guarda preparada, equipada e com políticas efetivas para a segurança“, destacou Miguel.

Assessoria de Imprensa de Miguel Coelho