Rádio Web do Sertão

Anuncie Aqui!

Publicidade

 

 

 

Denucie

 

Curta no Facebook

A passagem do Pernambuco em Ação pelo Sertão do São Francisco também deixou um conjunto de investimentos para o reforço da agricultura familiar da região. Durante o seminário, nesta sexta-feira (14.07), o governador Paulo Câmara anunciou e autorizou uma série de ações que contemplam a perfuração de poços artesianos, distribuição de alimentos e leite para famílias em vulnerabilidade nutricional, inauguração de pequenas barragens, entrega de títulos de concessão de terra, além de serviços nas áreas de georreferenciamento e combate de pragas, entre outros. Ao todo, o conjunto conta com um aporte de R$ 13,7 milhões, beneficiando os 15 municípios da região.

“Vamos reforçar os serviços para as famílias que vivem e se sustentam da agricultura em Pernambuco, especialmente no Sertão. Nós sabemos das dificuldades que esses agricultores enfrentam, principalmente com a falta de água e não vamos poupar esforços para atender essas necessidades. Novas barragens foram finalizadas aqui, em Petrolina; e também vamos realizar a perfuração de poços nas Zonas Rurais. Nós viemos aqui, hoje, para mostrar que estamos atentos a isso também”, ressaltou o governador.

Entre as ações, foi lançado o edital de licitação da contratação dos serviços de georreferenciamento de imóveis rurais para regularização fundiária das Regiões de Desenvolvimento (RDs) de Pernambuco. Para o Sertão do São Francisco, serão investidos R$ 7.042.500,00 na execução do serviço, contemplando uma área total de 150 mil hectares. Serão beneficiados os municípios de Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina e Santa Maria da Boa Vista. A ação consiste no levantamento topográfico, com cadastro de poligonais em área rural, além do levantamento cadastral georreferenciado de todos os imóveis rurais, por varredura ou estudo pontual. No total, o programa contemplará, em um prazo de 12 meses, todas as RDs do Estado – 1,8 milhões de hectares -, com investimento estimado de R$ 80 milhões.

No ato, foi autorizada, ainda, a liberação da distribuição de 498 mil quilos de alimentos e 675,2 mil de litros de leite, ao longo de 2017, por meio dos Programas de Aquisição de Alimentos (PAA Alimentos) e Leite de Todos (PAA Leite). Ao todo, serão beneficiados mais de 400 agricultores familiares e 21.700 pessoas em situação de vulnerabilidade nutricional da região. As ações, que vão custar ao Estado aproximadamente R$ 2,9 milhões, têm o objetivo de gerar renda para produtores agrícolas de base familiar e garantir a segurança nutricional de crianças, jovens e adultos em vulnerabilidade alimentar. Também foram entregues 134 títulos de concessão uso da terra aos agricultores familiares dos assentamentos de Ilha Grande do Pontal, em Lagoa Grande, e Lagoa da Pedra, em Santa Maria Da Boa Vista.

“Quando a gente faz ações no meio rural que modificam a vida das pessoas, tanto no setor produtivo como na questão social, a gente sabe que o caminho é esse. Os resultados apontam isso. O PIB, divulgado na semana passada, mostrou que a Agropecuária do Estado cresceu 13,6% no primeiro trimestre de 2017 comparado ao de 2016. Foi o segmento econômico que mais cresceu em Pernambuco, fruto dessas ações que estão sendo implantadas ao longo desse governo”, ressaltou o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Nilton Mota.

O gestou ressaltou que também foi dada a ordem de serviço para execução de obras de limpeza, desassoreamento e recuperação do canal da Ilha de Assunção e Aldeia Truká, no município de Cabrobó, contemplando um trecho de aproximadamente 60 km. A obra, que vai custar R$ 150 mil, tem prazo de 60 dias e vai beneficiar cerca de 1,5 mil famílias da localidade.

ÁGUA PARA TODOS – Por meio do Programa Água para Todos, em convênio com o Ministério da Integração Nacional, foram dadas por inauguradas oito pequenas barragens em Petrolina. São elas: Barragem Rajada, Ponta da Serra, Horizonte, Cristalina, Olho d´agua, Baixio dos Pretinhos, Baixa Alegre e Chapada do Alegre. Ao todo, serão beneficiadas cerca de 400 famílias do município. Para a implantação desses equipamentos, foi investido um total de R$ 800 mil.

Para ampliar a oferta de água na Zona Rural da região, que dependem do abastecimento via carro pipa, foi assinada a ordem de serviço para a perfuração de poços artesianos. A ação receberá um investimento de R$ 1 milhão, beneficiando toda a população do meio rural da região. Além disso, foi lançado o edital de licitação para a aquisição de perfuratriz para a construção de poços, que vão disponibilizar água de qualidade à população, sobretudo nas regiões mais castigadas pela estiagem. Para esta ação, está previsto um investimento de R$ 800 mil.

Durante o ato, foi entregue à população de Orocó um caminhão baú frigorífico, que vai oferecer suporte e auxiliar no aumento da produtividade de aproximadamente dois mil agricultores familiares da região do São Francisco. Para a aquisição do veículo, foram investidos R$ 165 mil. Também foi entregue uma nova escavadeira hidráulica para o atendimento de três mil famílias agrícolas do município de Cabrobó. O investimento de R$ 331 mil, para a compra do veículo, foi realizado por meio de emenda parlamentar do ex-deputado federal Inocêncio Oliveira.

CONTROLE DE PRAGAS – Outra importante ação do dia na área foi a renovação do contrato com a Empresa Moscamed. A medida vai garantir a continuidade dos serviços de combate – controle e monitoramento – das pragas conhecidas como Moscas-das-Frutas, no Sertão do São Francisco. Com um investimento de R$ R$ 545.285,00, o contrato terá validade de seis meses. A praga é o maior obstáculo para a produção da fruticultura, processamento e comércio de frutas frescas na região do Vale do São Francisco, cuja região é responsável por 90% das exportações de manga e 98% das exportações de uva de mesa do Brasil, gerando aproximadamente 90.000 empregos diretos e indiretos.