SESI-PE oferece 200 vagas gratuitas em cursos de Finanças e de Comunicação no ambiente de trabalho

Visualização da imagem

As inscrições para os cursos “Administrando Seu Dinheiro” e “Comunicação com Foco Organizacional” vão até o dia 15 de outubro

Pensando no atual desafio de organizar e controlar as finanças e em melhorar a comunicação no ambiente de trabalho, o Serviço Social da Indústria de Pernambuco (SESI-PE) está oferecendo dois cursos gratuitos a distância nessas duas áreas. São 100 vagas para o curso “Administrando Seu Dinheiro” e outras 100 para “Comunicação no Foco Organizacional”. As inscrições podem ser feitas pelo site www.pe.sesi.org.br e vão até o dia 15 de outubro, ou até as vagas serem preenchidas. Os pré-requisitos são ter, no mínimo, 16 anos, e-mail, acesso à internet e noções básicas de informática. Após a confirmação da matrícula, o estudante tem 30 dias para acompanhar os conteúdos e concluir o curso desejado.

O curso “Administrando Seu Dinheiro” irá conscientizar os alunos sobre a importância de administrar suas finanças pessoais e familiares de forma adequada, prevenindo-se de possíveis transtornos decorrentes da má gestão de dinheiro. Entre as temáticas trabalhadas, estão: como evitar dívidas e sair delas; planejamento pessoal; planejamento familiar; planejamento com renda variável; como elaborar um orçamento financeiro; consumidor consciente; e formas de investimento.

Já em “Comunicação com Foco Organizacional”, o aluno irá adquirir conhecimentos básicos sobre a comunicação nas situações do ambiente organizacional, considerando as demandas de trabalho e as interações com as pessoas. No conteúdo programático, estão: o que é comunicação e qual sua importância; comunicação e as suas formas de abordagem; gestão e comunicação; relações entre comunicação, trabalho e aprendizagem; comunicação com excelência; e estratégias para melhoria da comunicação no trabalho.

Após cumprir a carga horária total do curso escolhido, o estudante participará de uma avaliação na plataforma educacional e, se alcançar 70 pontos ou mais no exame, receberá o certificado de conclusão. Para outras informações, basta entrar em contato pelo e-mail educacao.distancia@pe.sesi.org.br ou pelo telefone 3412-8343.

Pernambuco autoriza dose de reforço para profissionais da saúde e população acima de 60 anos

Secretário de Saúde também convocou toda a população nos municípios para atualizar a carteira de vacinação de crianças e adolescentes

O Governo de Pernambuco informou, durante coletiva de imprensa, que está autorizada a aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19 nos profissionais de saúde que completaram o esquema vacinal até o dia 31 de março, exatos seis meses após a segunda dose. Também foi liberada a terceira dose para a população pernambucana a partir dos 60 anos de idade. A estratégia, balizada pelo Comitê Técnico Estadual para Acompanhamento da Vacinação, foi pactuada com os gestores municipais em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), na manhã desta sexta-feira (01.10).

A primeira remessa de imunizantes destinada a esse público está prevista para chegar ao Estado na tarde deste sábado (02.10), com novos lotes de vacinas da fabricante Pfizer/BioNTech. “Como na primeira fase da vacinação dos profissionais de saúde pernambucanos, ainda no primeiro trimestre de 2021, o Estado assumirá a imunização da dose de reforço desses trabalhadores da rede estadual. Já os municípios devem ficar responsáveis pelos serviços municipais, atentos também aos profissionais autônomos da categoria. Dessa forma, reforçaremos ainda mais a imunidade de quem está na linha de frente do combate à pandemia, assim como dos idosos a partir de 60 anos, um dos grupos vulneráveis ao vírus”, pontuou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

O secretário informou ainda que, após reuniões com o Ministério da Saúde, novas doses de imunizantes devem ser enviadas a Pernambuco nos próximos dias para avanço da aplicação da terceira dose nos profissionais de saúde. “Sabemos do desafio que é administrar a dose de reforço em toda a categoria num curto prazo de tempo. Por isso, precisamos mobilizar esforços para convocar os trabalhadores da saúde e vaciná-los em tempo oportuno”, reforçou Longo.

IMUNIZAÇÃO CONTRA OUTRAS DOENÇAS – O secretário informou também que Pernambuco ainda não atingiu a meta de cobertura mínima para as vacinas indicadas para proteção de crianças e adolescentes menores de 15 anos. Nessas faixas etárias é indicada a aplicação de alguns imunobiológicos que já fazem parte do calendário de rotina nos postos de saúde de todo o País, como poliomielite, hepatites A e B, tríplice viral, rotavírus humano e dTp, entre outras.

Para aumentar essas coberturas e promover a proteção contra doenças imunopreviníveis em crianças e adolescentes, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) mobiliza os 184 municípios do Estado, durante este mês de outubro, para a realização da Campanha de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação. No Estado, pernambucanos e pernambucanas podem buscar as mais de 2,4 mil salas de vacinação, munidos do cartão de vacina, e efetuar sua proteção. A campanha de atualização vai até o dia 29, com o Dia D de mobilização marcado para 16.10.

Atualmente, a cobertura vacinal em Pernambuco para os imunobiológicos indicados às crianças menores de 1 ano de idade se configura da seguinte forma: BCG (71,35%), pneumocócica (68,26%), pentavalente (66,57%), poliomielite (66,32%), meningocócica (65,14%) e rotavírus humano (64,68%). A situação se repete quando observado o público maior de um ano de idade: hepatite A (61,71%), tríplice viral – D1 e D2 (69,43% e 42,58), meningococo C (64,43%), pneumocócica (64,70%), poliomielite – 1º reforço (51,16%) e 2ª reforço (38,57), dTp – 1º reforço (56,26%) e 2ª reforço (45,14%) e varicela (62,07%).

“Enquanto vivemos essa expectativa de ampliação na cobertura e também de público na vacinação contra a Covid-19, a imunização contra outras doenças já previstas no calendário segue bem abaixo da meta. Isso é um risco para a saúde de todos, porque vivemos o perigo do retorno de doenças que estavam erradicadas. Para revertermos esta situação e protegermos nossas crianças, neste mês de outubro, em todo o País, acontece a campanha de multivacinação para atualização da caderneta de vacinação de crianças e adolescentes. O acesso às vacinas é um direito de todas as crianças e adolescentes. Neste mês das crianças, se você ama seu filho, não deixe de levá-lo a um posto de vacinação A saúde é o melhor presente que você pode proporcionar a uma criança”, destacou André Longo

Sertânia participa de 1ª Reunião Presencial da Diretoria 2021-2023 Coegemas/PE

É a primeira vez que o município de Sertânia compõe a direção do
Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social do
Estado de Pernambuco (Coegemas/PE)

O Secretário de Desenvolvimento Social e Cidadania de Sertânia, Paulo
Henrique, participou nesta quinta-feira (30) da 1ª Reunião Presencial da
Diretoria do Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência
Social do Estado de Pernambuco (Coegemas/PE). O encontro foi realizado
no Auditório da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEAS) no Recife e
discutiu a “Análise da Conjuntura da Assistência Social no Cenário
Atual” e o “Papel e Pauta de Lutas do Coegemas”. No final foram feitos
os encaminhamentos das demandas dos Gestores Municipais.

Paulo Henrique foi eleito Diretor Regional do Sertão do Moxotó em abril
deste ano, na nova Diretoria Coegemas/PE para o biênio 2021-2023. É a
primeira vez que o município de Sertânia compõe a direção do Colegiado.
A reunião foi coordenada pela presidente do Coegemas, Ana Rita Suassuna,
que é Secretária de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre
Drogas e Direito Humanos do Recife, com participação da vice-presidente
Regional Nordeste, Penélope Regina, do vice-presidente, Mallon Aragão e
membros da Executiva de todas as regiões do Estado.

Afogados: Prefeitura dará posse aos novos integrantes do Conselho Municipal do Idoso

No dia internacional do idoso, a Prefeitura dará posse aos novos integrantes do Conselho Municipal do Idoso, importante ferramenta de controle social das políticas públicas para este segmento.

A posse se dará no auditório da secretaria municipal de assistência social, nesta sexta (01), às 15 horas.

Seguindo todos os protocolos de prevenção à COVID.

A partir de segunda (04) testagem da COVID será na Rua Professor Vera Cruz, 140

Tendo em vista a retração no números de casos e a diminuição do fluxo de pessoas que procuram a unidade de campanha da COVID para realizar a testagem, a Prefeitura de Afogados vai transferir a unidade para a Rua Professor Vera Cruz, 140, ao lado da loja “Casa Siqueira”.

A Unidade de campanha funciona em uma área do CER lll, que agora poderá retomar a integralidade de suas ações de atendimento e cuidado aos pacientes que necessitam de reabilitação física, auditiva e visual.

A mudança será efetivada a partir da próxima segunda-feira, mantendo, sem prejuízo à população, os dias e horários de atendimento: segunda à sexta, das 7h às 17h.

“A mudança não trará prejuízos à população que busca fazer a testagem da COVID, pois manteremos os dias e horários de funcionamento, e agora numa área mais central da cidade,” destacou Artur Amorim, Secretário Municipal de saúde.

A secretaria de saúde pede à população que, no ato da testagem, possa levar além do RG, CPF e cartão do SUS, o cartão de vacina, exigência do sistema de informações do Ministério da Saúde.

Covid-19: Brasil registra 627 mortes e 27,5 mil infecções em 24h

Por: Agência Brasil

O Brasil registrou 27.527 casos de Covid-19 e 627 mortes causadas pela doença em 24 horas, segundo o boletim da situação epidemiológica divulgado nesta quinta-feira (30) pelo Ministério da Saúde.

Com as novas mortes, 596.749 pessoas já perderam a vida para a doença.

Com os novos diagnósticos de Covid-19 confirmados, o total de pessoas contaminadas desde o início da pandemia chegou a 21.427.073.

Ainda há 405.181 casos em acompanhamento. O nome é dado a casos ativos de pessoas que tiveram o diagnóstico confirmado e estão sendo atendidas por equipes de saúde ou se recuperando em casa.

Há 3.187 falecimentos por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) em investigação. Isso porque em muitos casos a análise sobre a causa continua mesmo após o óbito.

Segundo o boletim, 20.425.139 pessoas se recuperaram da doença. 

Estados

No topo do ranking de mortes por estado estão São Paulo (149.810), Rio de Janeiro (65.134), Minas Gerais (54.547), Paraná (39.096) e Rio Grande do Sul (34.860). Os que menos registraram mortes foram Acre (1.838), Amapá (1.981), Roraima (2.001), Tocantins (3.787) e Sergipe (6.010).

Vacinação

Dados mais recentes do Ministério da Saúde mostram que 236,7 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 foram aplicadas em todo o Brasil, sendo 146,3 milhões como primeira dose e 90,4 milhões como segunda dose (ou dose única).

Em 24 horas, foram aplicadas 2,2 milhões de doses. Segundo a pasta, foram distribuídas 294,7 milhões de doses da vacina contra a covid-19 para todo o país.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Gonzaga Patriota percorre trechos com governador Paulo Câmara para anunciar investimentos

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) esteve, mais uma vez, acompanhando o governador de Pernambuco,  Paulo Câmara, em uma série de compromissos, nesta quinta-feira (30), em quatro municípios nos sertões de Itaparica e Moxotó. Na ocasião, foram anunciados vários projetos, obras e iniciativas que integram o Plano Retomada – lançado em agosto.

“Estou acompanhando o governador desde as primeiras visitas aos municípios para levar ações e projetos do Plano Retomada com novos investimentos nas áreas de infraestrutura, transportes, abastecimento d’água e desenvolvimento econômico. É um pacote de incentivos para estimular a geração de oportunidades e o investimento em projetos estruturadores locais”, avalia o deputado.

Nesta quinta-feira (30), a comitiva visitou Betânia, Carnaubeira da Penha, Belém do São Francisco e Itacuruba.

No município de Betânia, o governador autorizou a execução de projeto e da obra da PE-340. Além disso, Paulo Câmara também autorizou a liberação de R$ 63 mil para implantação, em parceria com a prefeitura, do Sistema de Abastecimento de Água do bairro Caiçara dos Órfãos e a liberação de recursos para implantação de outro sistema de abastecimento para atender três mil pessoas. No município, o governador ainda autorizou a licitação para construção da quadra coberta da Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Osmar de Souza Ferraz.

Em Carnaubeira da Penha, o governador autorizou a licitação das obras da PE-425 – um dos principais acessos viários da cidade – no trecho de 43,4 quilômetros que faz a ligação com a cidade de Floresta. Na área de desenvolvimento social, Paulo Câmara anunciou a oferta de oficinas profissionalizantes para pessoas em situação de vulnerabilidade.

O governador seguiu para Belém de São Francisco, onde autorizou a execução do projeto e das obras da PE-460, com extensão de 4,6 quilômetros, fazendo a ligação com o povoado de Barra de Tarrachil, na divisa com a Bahia. Visando garantir o abastecimento de água, Paulo Câmara liberou R$ 1,2 milhão para implantação de aproximadamente 2.500 ligações de água e setorização do sistema de abastecimento da cidade. Outros R$ 700 mil foram liberados para implantação de redes adutoras de melhoria do sistema de abastecimento de água de Riacho Pequeno. Na área da educação, o governador autorizou a construção da quadra coberta na Escola Estadual Celestino Nunes e da cobertura das quadras das escolas Tercina Roriz, e Monsenhor João Pires.

A programação foi encerrada em Itacuruba, onde o governador visitou ações do Governo Presente, na Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Professora Maria de Menezes Guimarães, e as obras da quadra da unidade de ensino. Para reforçar a malha viária da região, foi autorizada a contratação do projeto de requalificação dos 11,9 quilômetros da rodovia PE-422, entre Floresta e Itacuruba. Por fim, na área de desenvolvimento social foi anunciada a oferta de oficinas profissionalizantes para pessoas em situação de vulnerabilidade e o repasse de recursos de cofinanciamento para o CRAS, no valor de R$32,5 mil, além da autorização para formalização de um convênio, de R$ 750 mil, para reforma do mercado público.

Miguel Coelho propõe ‘palanque aberto’ para composição de alianças na oposição

O prefeito de Petrolina e pré-candidato ao governo de Pernambuco em 2022 pelo Democratas (DEM), Miguel Coelho, concedeu entrevista nesta quinta-feria (30) ao programa “Manhã na Clube” da Rádio Clube Am 720, comandado pelos jornalistas Rhaldney Santos e Douglas Fernandes.

Recém-filiado, Miguel evitou dar muitas respostas sobre as decisões de sua nova sigla, que prepara uma fusão com o PSL, no que diz respeito ao cenário nacional para as eleições que se aproximam.

“O que estamos discutindo é poder construir um projeto competitivo ao nível estadual para poder disputar os cargos de governador, vice-governador e ao Senado. A questão nacional não é o timing [momento] agora”, afirmou o pré-candidato. Miguel ainda complementou alegando que é “legítima” a defesa que cada partido faz de seus projetos nacionais, assim como o DEM “também começa a se posicionar e fazer essa discussão interna nos seus quadros”.A convenção que definirá os últimos detalhes da fusão entre o DEM e o PSL, criando uma sigla nova, está marcada para o dia 6 de outubro e será o ponto de partida para que o partido comece as discussões conjuntas acerca do cenário nacional, a partir das possíveis alianças estabelecidas.

O novo partido, cujo nome especula-se que será “União Brasil” desde que a informação foi divulgada pelo colunista do jornal O Globo, Lauro Jardim. A sigla, que deverá se tornar a maior tanto em tamanho de bancada como em recursos financeiros do fundo eleitoral, deverá ter candidaturas por várias partes do Brasil.

“Hoje, o Democratas, por si só, já tem 7 pré-candidatos ao governo do estado. Após a fusão, os números que a gente tem trabalhado dentro do partido é em torno de 12 a 14 pré-candidaturas. Em quase metade do Brasil terá uma candidatura majoritária desse partido”, explicou Miguel.

Para o pré-candidato democrata, realizar um trabalho conjunto na construção de candidaturas e costuras de apoio, com um “palanque aberto”, é um ponto crucial para uma eventual vitória da oposição em Pernambuco.

“A gente não pode estar querendo fazer um projeto de mudança em Pernambuco, querendo se isolar. Mantemos o canal aberto com todos os partidos de oposição, mas também abrindo novas portas para que a gente possa construir pontes de aliança no futuro”. Ele aponta que o próprio PSL é um partido “que vocês da imprensa nem cogitavam que saísse da frente popular” e será o maior do Brasil, está na oposição em Pernambuco.

Tanto o DEM como o PSL têm, em suas bases eleitorais, quadros que são simpáticos ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e outros que abandonaram o barco do chefe do Executivo ao longo de seus quase três anos de mandato. O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), pai de Miguel Coelho, é o único da família que permanece na sigla após a migração do prefeito de Petrolina para o DEM, e ocupa o posto de líder do governo na casa. Além disso, o Democratas ainda tem membros à frente de ministérios, como o ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, e Tereza Cristina, da Agricultura.

Diante disso, muitas são as dúvidas acerca do posicionamento do partido em relação às eleições no que diz respeito ao cargo de presidente, especialmente após o prefeito de Salvador e presidente nacional do Democratas, ACM Neto, afirmar que a sigla que vai nascer da fusão com o PSL lançará um candidato ao Planalto. Há, entre membros do partido, quem defenda os nomes do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e do ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, e uma terceira ala segue fiel a Bolsonaro.

Miguel Coelho, que pode encontrar Bolsonaro em sua cidade natal em breve (visto que o presidente planeja visitar Petrolina em outubro), afirmou que “sem dúvida” poderia dar palanque ao atual chefe do Executivo Nacional para compor aliança. “Sem dúvida. Não só ele, também como outros candidatos [à presidência]. Isso dependerá dos partidos que estarão na nossa aliança”, disse o prefeito.

Miguel explicou sua posição, afirmando que nas eleições majoritárias, historicamente, os partidos formam grandes alianças que reúnem várias siglas e, por isso, incluem apoios a diversos candidatos no plano nacional. “todas as chapas de governador em PE seja de um lado ou outro tinham mais de um candidato a presidente”, afirmou o pré-candidato.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Alepe aprova vacinação obrigatória para servidores estaduais

Por: Diario de Pernambuco

A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aprovou nesta quinta-feira (30) a obrigatoriedade da vacinação contra a Covid-19 para todos os servidores efetivos ou que prestam serviço ao poder público estadual. O Projeto de Lei nº 2661/21, de autoria do Executivo, foi aprovado por 35 votos a favor e 6 contrários. A medida segue agora para sanção do governador Paulo Câmara (PSB).

O projeto já havia sido aprovado nas comissões da Casa. O PL se estende a servidores, militares estaduais, contratados temporários, empregados de empresas estatais e prestadores de serviços e também se aplica aos outros poderes e órgãos estaduais, como Legislativo, Judiciário e Ministério Público.

Segundo o PL, servidores que não comprovarem a primeira dose ou dose única da vacinação serão impedidos de ingressar no local de trabalho e levarão falta até concluírem o ciclo vacinal, obedecendo ao calendário estabelecido por cada município. Os servidores que atuam em teletrabalho também devem obedecer à exigência de vacinação.

Caso perdure por 30 dias a não comprovação da vacina, o servidor será submetido à instauração de um processo administrativo por abandono de serviço. A única justificativa aceita para não tomar o imunizante será por motivos de saúde, mediante apresentação de atestado médico. O prazo para apresentação do comprovante de vacinação ou a declaração médica é de 20 dias, contados a partir da publicação da lei.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.