Serra Talhada: Forró da Galera e Ana Cristina animam o Forró Pé de Sesc

Programação acontece neste domingo (16), com atividades recreativas das 9h às 16h

Neste domingo, 16 de junho, o clima junino vai tomar conta da Capital do Xaxado. O Sesc Serra Talhada realiza das 9h às 16h, o Forró Pé de Sesc, um dia de lazer com atividades recreativas, quadrilha e muito arrasta-pé ao som de Ana Cristina e da banda Forró da Galera.

O Sesc preparou uma programação especial, com apresentação da Quadrilha Junina Arte em Movimento e um cardápio recheado de comidas e bebidas típicas. Os ingressos custam R$10 para trabalhadores do comércio e dependentes e R$20 para o público em geral.

Sesc – Fundado em 1947 em Pernambuco, o Serviço Social do Comércio é uma instituição privada mantida pelos empresários do comércio de bens, serviços e turismo. Atuante na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata Norte, Zona da Mata Sul, Agreste e Sertão, por meio de 23 unidades fixas, incluindo os hotéis Guadalupe (Sirinhaém), Triunfo e Garanhuns. Oferece atividades gratuitas ou a preços populares nas áreas de Educação, Cultura, Lazer, Assistência e Saúde, inclusive para quem dispõe do Cartão do Empresário da Fecomércio/PE. No campo digital, a instituição oferece o aplicativo Sesc-PE, facilitando acesso às atividades, renovação e habilitação da credencial entre outras funcionalidades, e disponibiliza a plataforma Sesc Digital (https://digital.sescpe.com.br/todos). Por ela, é possível conhecer o cronograma de cursos e realizar a inscrição de forma online e segura. Para acompanhar todas as informações sobre o Sesc, acesse www.sescpe.org.br.

Serviço: Forró Pé de Sesc

Data: 16 de junho

Horário: 9h às 16h

Local: Sesc Serra Talhada (Avenida Vicente Inácio de Oliveira, s/n, Bom Jesus)

Informações: (87) (87) 9.9999-2786 | 9.9929-1298

Empresário Bruno Veloso toma posse como presidente da FIEPE

Ele ocupa o cargo que antes estava sob o comando de Ricardo Essinger, que ficou oito anos à frente do Sistema FIEPE

O empresário Bruno Veloso tomará posse como presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) no próximo dia 17 de junho, em cerimônia no Armazém Blu’nelle, em Santo Amaro. O evento vai reunir empresários, políticos e representantes de instituições do setor produtivo, para celebrar a nova diretoria que representará o segmento no próximo quadriênio 2024-2028. Veloso é empresário do ramo de fabricação de pré-moldados de cimento e faz parte do Sistema FIEPE há 15 anos.

Para os próximos quatro anos, o presidente eleito ressalta três pilares: Transformação Digital, ESG e Interiorização das ações e projetos do Sistema FIEPE, por meio da FIEPE, SESI, SENAI e IEL. “Como legítimos representantes das indústrias de todos os portes e segmentos, estamos empenhados em difundir a cultura de inovação e ter foco nas entregas”, destacou, frisando o compromisso de dar continuidade aos projetos iniciados na gestão de Ricardo Essinger.

De acordo com Veloso, o incentivo às práticas de ESG terá atenção especial em sua gestão, cujo foco será auxiliar as indústrias que buscam reduzir sua pegada de carbono e implementar práticas para minimizar seu impacto no meio ambiente. Outro ponto defendido por Veloso será a interiorização das iniciativas do Sistema FIEPE, que contempla ainda a instalação de uma unidade em Serra Talhada, no Serão do Pajeú – quando passaremos a atuar com uma unidade integrada do SESI, SENAI, FIEPE e IEL.

Além de Bruno Veloso, compõem a chapa os empresários Massimo Cadorin como 1º vice-presidente; José Antônio de Lucas Simón como 2º vice-presidente; e Renato Cunha como 3º vice-presidente.

Trajetória

Nascido no Recife em 1959, Bruno Veloso é formado em engenharia civil pela Universidade Católica. Sócio-fundador de uma indústria de concreto chamada Goiana Pré-moldados, ele fundou a empresa em 1998 depois de ter passado por grandes empresas do ramo da construção civil. Casado, pai e avô, Veloso chegou à FIEPE depois de ter se associado ao Sindicato da Indústria de Produtos de Cimento de Pernambuco (Sinprocim-PE), antigo Sindocal, há 15 anos, tendo presidido a entidade por dois mandatos. Sua trajetória na FIEPE tem passagem pelas diretorias administrativa e financeira durante os mandatos de Jorge Côrte Real e Ricardo Essinger. Ele também foi conselheiro do SESI-PE.

Sistema FIEPE – Mantido pelo setor industrial, atua no desenvolvimento de soluções para trazer ainda mais competitividade ao segmento. Além da FIEPE – que realiza a defesa do setor produtivo – conta ainda com o SESI, o SENAI e o IEL. Pelo SESI-PE, são oferecidos serviços de saúde e educação básica para os industriários, familiares e comunidade geral. O SENAI-PE, além de formação profissional, atua em metrologia e ensaios, consultorias e inovação. O IEL-PE foca na carreira profissional dos trabalhadores, desde a seleção de estagiários e profissionais, até a capacitação deles realizada pela sua Escola de Negócios.

Diana Câmara sai da Comissão de Relações Institucionais da OAB e anuncia disputa pela vaga do quinto constitucional do TJPE

Foto: Marcel Felipe Campos do Rego
A vaga foi aberta com a aposentadoria do desembargador Itabira Filho, no último mês de maio. Eleição será realizada no dia 18 de novembro

Com quase 20 anos de atividades na advocacia, a advogada eleitoralista Diana Câmara renunciou, na tarde desta quinta-feira (13), a função como presidente da Comissão de Relações Institucionais da OAB-PE. Depois de passar por três comissões – também foi presidente de Direito Eleitoral e Municipal -, a jurista se afasta da Ordem para disputar a vaga aberta pelo quinto constitucional, onde um representante da advocacia ocupa uma vaga de desembargador no Tribunal de Justiça de Pernambuco.

A vaga foi aberta com a aposentadoria do desembargador Itabira Filho, no último mês de maio. A OAB-PE já lançou o edital para a disputa do quinto, que acontecerá no dia 18 de novembro. A escolha acontece em três etapas: inicialmente a votação é feita pelos advogados inscritos e regulares na OAB, onde os seis nomes, as três advogadas e os três advogados mais votados, serão encaminhados para o Tribunal de Justiça.

Os seis nomes mais votados entre a advocacia serão escolhidos pelos desembargadores que compõem o Tribunal de Justiça de Pernambuco. Os três nomes mais votados serão encaminhados para escolha da governadora Raquel Lyra, que definirá o nome a ocupar o posto.

Durante reunião do conselho da OAB, Diana destacou as contribuições realizadas à Ordem durante os últimos 12 anos e pontuou seu objetivo na disputa pela vaga do quinto. “Minha missão será fortalecer a atuação da advocacia da forma mais plena possível dentro do Judiciário, garantindo que os direitos e as prerrogativas dos advogados sejam sempre respeitados. Do cais ao sertão. Tendo como norte que a advocacia é essencial à Justiça. E entendo que a representação da OAB no Tribunal de Justiça através do quinto constitucional é fundamental para fortalecer este elo”, afirmou.

Mais Especialistas: Governo Federal investirá R$ 1 bilhão para ampliar consultas e reduzir tempo de espera

A ministra da Saúde, Nísia Trindade, durante apresentação da estratégia do Programa Mais Acesso a Especialistas, que visa dar mais agilidade ao processo para marcação de consultas e realização de exames no SUS – Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Além de tornar mais fácil o acesso dos pacientes a consultas ambulatoriais, o programa amplia a oferta de serviços integrados que permitem a redução de filas

O Ministério da Saúde (MS) apresentou nesta quarta-feira, 12 de junho, a estratégia do Programa Mais Acesso a Especialistas (PMAE), cujo objetivo é ampliar e qualificar o acesso à Atenção Especializada em Saúde, além de permitir ao paciente realizar o conjunto de consultas e exames entre 30 ou 60 dias, a depender da situação.

“É um programa que tem por objetivo ampliar e tornar mais rápido o acesso dos pacientes a consultas ambulatoriais e exames especializados. O fator tempo é vital para o bem-estar e muitas vezes é essencial, principalmente quando pensamos em alguns agravos à saúde. Esse tempo de espera para a realização de consultas e exames diagnósticos terá que ser feito no período entre 30 ou 60 dias”
‎​ ‏
NÍSIA TRINDADE
Ministra da Saúde

Em 2024, o Governo Federal investirá R$ 1 bilhão para aumentar a disponibilidade de consultas, exames e outros procedimentos diagnósticos e terapêuticos, reduzindo filas e tempos de espera. “Se trata de um atendimento a uma grande necessidade da nossa população, fortalecimento do SUS e se trata também de uma inovação, que combina financiamento com gestão adequada”, disse a ministra da Saúde, Nísia Trindade.

Na prática, o Ministério da Saúde está mudando a lógica de como o serviço é financiado, o que impactará diretamente no encaminhamento dos pacientes desde a atenção primária até o diagnóstico final. Segundo o MS, o Mais Acesso a Especialistas assegura recursos financeiros para as secretarias estaduais e municipais de saúde e para o Distrito Federal. Esses recursos poderão ser utilizados para o custeio dos serviços públicos e contratação da rede privada (rede complementar) para aumentar a oferta de consultas especializadas e exames diagnósticos e qualificar o cuidado ao paciente no SUS.

Leia mais

Morre cantor Nahim aos 71 anos; saiba mais


O cantor tinha se mudado recentemente, após ter se divorciado da mulher, Andreia Andrade (Crédito: Divulgação)
O cantor tinha se mudado recentemente, após ter se divorciado da mulher, Andreia Andrade (Crédito: Divulgação)

Segundo a polícia, corpo foi encontrado na casa do artista, em Taboão da Serra; ele havia se mudado recentemente para o local, após divórcio

O cantor Nahim Jorge Elias Nunes, mais conhecido como Nahim, de 71 anos, foi encontrado morto dentro de sua casa, em Taboão da Serra, na Região Metropolitana de São Paulo, na manhã desta quinta-feira (13/6), de acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP). A causa da morte ainda não foi esclarecida.
Segundo as primeiras informações, ele se mudou para o local recentemente, após ter se divorciado da mulher, Andreia Andrade. Vizinhos ouvidos pelo SBT disseram que Nahim era conhecido no bairro e muito querido.
O funcionário de uma empresa de telefonia estava fazendo uma instalação na rua onde mora Nahim e teria visto o corpo do cantor. Ele acionou a polícia, que foi até o local e confirmou a morte do artista.
Confira a matéria completa no Metrópoles.

Estado autoriza seleção com 126 vagas para arquitetos, engenheiros e técnicos para Secretaria de Educação

Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco fica no bairro da Várzea, na Zona Oeste do Recife — Foto: Reprodução/Google Street View
Foto: Reprodução/Google Street View

Decreto foi publicado no Diário Oficial de Pernambuco, nesta quinta (13)

O Governo do Pernambuco publicou, nesta quinta (13), no Diário oficial, a autorização para a abertura de uma seleção para a contratação temporária na Secretaria de Educação e Esportes.

Segundo o decreto 56.762, de 12 de junho, serão abertas 126 vagas para profissionais de diversas especialidades para prestação de serviço na Gerência Geral de Arquitetura e Engenharia da pasta.

A secretaria justificou que “enfrenta desafios significativos, diante do aumento da demanda por serviços de arquitetura e engenharia, em especial, pelo lançamento do Programa Juntos pela Educação, que ampliou a demanda por serviços de construção,
manutenção e reestruturação das unidades educacionais”.

Segundo o decreto, a contratação temporária vem atender necessidade excepcional de interesse público.

Os contratos temporários devem ser regidos pela Lei n° 14.547, de 2011, vigorando pelo prazo de até 12 (doze) meses, prorrogáveis por iguais períodos, até o limite máximo de seis anos.

Os critérios da seleção devem ser estabelecidos em portaria conjunta com a secretaria de Administração.

Haverá vagas para as seguintes funções:

Arquiteto 3
Arquiteto Coordenador de Contratos de Obras 1
Arquiteto Projetista 22
Engenheiro Ambiental1
Engenheiro Calculista de Manutenção 3
Engenheiro Calculista de Projetos3
Engenheiro de Auditoria de Obras2
Engenheiro de Manutenção 26
Engenheiro de Obras29
Engenheiro de Orçamento de Obras14
Engenheiro Elétrico 9
Engenheiro em Segurança do Trabalho1
Engenheiro Hidrossanitário 1
Engenheiro Projetista – Segurança do Trabalho1
Engenheiro Projetista em Elétrica 1
Técnico em Edificações 1
Técnico em Projetos de Refrigeração 1
Técnico em Refrigeração 3
Técnico em Segurança do Trabalho 4

Senado aprova bolsa de até R$ 700 para alunos de baixa renda; confira

Plenário do Senado Federal  (Crédito: Marcos Oliveira/Agência Senado)
Plenário do Senado Federal (Crédito: Marcos Oliveira/Agência Senado)

Conforme projeto aprovado pelo Senado, bolsa é de pelo menos R$ 700 para estudantes de graduação e R$ 300 para alunos de nível técnico

Foi aprovado nessa terça-feira (11/6), pelo Senado Federal, o projeto que estabelece em lei o Programa Bolsa Permanência (PBP), com um auxílio de, no mínimo, R$ 700 mensais para estudantes de graduação e de R$ 300 para alunos de cursos técnicos (nível médio).

Agora, a proposta segue para sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

O Bolsa Permanência integra a Política Nacional de Assistência Estudantil (Pnaes), também prevista na matéria aprovada pelos parlamentares. Conforme a proposta, o objetivo do plano é evitar a evasão e incentivar o término da formação dos estudantes matriculados em instituições federais de ensino superior.

Confira a matéria completa no Metrópoles.

Governo do Estado envia para a Assembleia Legislativa projeto de aumento salarial de sete categorias de servidores; saiba mais

 (Foto: Divulgação)

Medida foi divulgada na manhã desta quarta (12)

O Governo de Pernambuco enviou à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), nesta terça-feira (11), dois Projetos de Lei (PLs) que propõem reajustes salariais para servidores públicos do Estado em diversas categorias.
Serão contemplados nas medidas professores e servidores administrativos da Educação, médicos, motoristas, docentes da Universidade de Pernambuco (UPE), assessores jurídicos do Estado e servidores da saúde e da Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa). As propostas estabelecem, de maneira constante, que nenhuma categoria receberá abaixo da inflação e nem acima de 20%. Os acordos entram em vigor a partir deste mês.
Os PLs também extinguem os valores de vencimento base inferiores ao salário mínimo que, historicamente, são completados com abonos.
“A nossa gestão tem um compromisso muito claro com o respeito e valorização dos servidores e das servidoras do nosso Estado. Afinal, esses profissionais se dedicam a garantir o funcionamento dos serviços públicos. Com muito esforço, conseguimos chegar a um acordo com sete categorias, fruto de muito diálogo e compreensão de ambas as partes”, afirmou a governadora Raquel Lyra.
De acordo com o Palácio das Princesas, o debate sobre os reajustes salariais foi construído durante as negociações de mesa específicas mantidas com as representações sindicais. Com exceção dos professores e dos servidores administrativos da Educação, os demais grupos firmaram acordos plurianuais, ou seja, até 2026. Esse pacote de PLs contemplará um contingente de 40% do total das categorias, sendo beneficiados cerca de 80% dos servidores ativos, aposentados e pensionistas.
Os índices de reajustes negociados recompõem plenamente a inflação ocorrida no ano de 2023 e as projeções de inflação futuras (até dezembro de 2026), segundo cálculos definidos pelo Relatório de Mercado Focus, do Banco Central do Brasil (BCB). A recomposição gera, ainda, ganhos médios acima desses índices.
Fim das faixas
Os profissionais da segurança também obtiveram valorização profissional a partir da sanção da Lei Complementar nº 535, que extingue, progressivamente, as faixas salariais e determina reajuste no valor dos soldos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros.
Segundo o Governo do Estado, a ação levou em consideração o caixa estadual, visando resolver a demanda, que se perpetuava.
Com a medida, remuneração básica de cada patente (soldados da faixa “A”) passará de R$ 3.419,88 para R$ 4.406,41. Já em 2026, ano que o processo de extinção das faixas será concluído, o valor inicial da carreira passará a ser de R$ 5.617,92 em todo o Estado.

João Câmara atemporal no Mepe

Exposição que celebra 80 anos do artista fica em cartaz de 13 de junho a 14 de julho no Museu do Estado de Pernambuco

O Museu do Estado de Pernambuco realiza, nesta quarta-feira (12), às 19h, um evento duplo com a inauguração da mostra João Câmara: 80 anos e o lançamento do livro A Caminho do Querétaro e do catálogo com as obras digitais do artista, sobre um dos artistas visuais mais aclamados de Pernambuco.

A exposição, que comemora os 80 anos de idade do artista, reúne 85 pinturas digitais em grande formato realizadas ao longo de uma década. O acervo também apresenta pinturas em óleo sobre tela, antigas e inéditas. A curadoria da mostra é assinada por Weydson Barros Leal e a produção por Vera Magalhães e Beth Marinho.

Além da exposição, são lançados nacionalmente o segundo livro de contos de Câmara, A Caminho Querétaro, da Topbooks Editora, e o catálogo com as obras digitais do artista, da DG Design Gráfico, que tem texto de Weydson Barros Leal.


DO ÓLEO EM TELA PARA O DIGITAL – Paralelamente a suas pinturas em óleo, João Câmara vem desenvolvendo obras digitais desde os anos 1990, com grande apreço popular e circulação em território nacional. As obras digitais são pintadas com programas de pintura eletrônica e processadas fisicamente em tela com tintas de pigmento.

FICÇÃO – Além de artista visual, João Câmara também se dedicou à ficção. O artista publicou os títulos Originais, Modelos, Réplicas (1972), Abishag, Hóspede Inevitável (2012) e Lidando com o Passado e Outros Lugares (2022).

Serviço:

Inauguração da exposição João Câmara: 80 anos e lançamento do livro A Caminho do Querétaro e do catálogo com as obras digitais do artista – quarta-feira (12), às 19h, no Museu do Estado de Pernambuco (Avenida Rui Barbosa, 960, bairro Graças, Recife-PE). Período de visitação: de 13 de junho a 14 de julho, de terça a sexta-feira, das 9h às 17h; sábados e domingos, das 14h às 17h. Ingressos: R$ 10 e R$ 5 (meia)

Governadora Raquel Lyra diz que assinatura de acordo para solução definitiva dos prédios-caixão é um momento histórico para Pernambuco

Fotos: Ricardo Stuckert/PR
Em cerimônia que contou com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a governadora Raquel Lyra assinou, nesta terça-feira (11), em Brasília, o acordo que soluciona definitivamente a situação de milhares de famílias que vivem ou viviam em prédios-caixão com alto risco de desmoronamento no Grande Recife. A partir do acerto, a Caixa Econômica Federal, através do Fundo de Compensação de Variações Salariais (FCVS), vai disponibilizar R$ 1,7 bilhão para garantir indenizações aos proprietários de apartamentos situados em 431 prédios-caixão condenados em cidades da região. Até agora, os donos destes imóveis poderiam ser indenizados em até R$ 30 mil, mas agora vão receber até R$ 120 mil, cada. A articulação para a elaboração do acordo contou com o trabalho do senador Humberto Costa, que também participou da cerimônia de assinatura.
 
Além da gestora pernambucana, assinaram o acordo-base o advogado-geral da União, Jorge Messias, além de representantes da Caixa Econômica Federal (administradora e representante judicial do FCVS), da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg), do Ministério Público Federal em Pernambuco e do Ministério Público do Estado de Pernambuco. 
 
“Quando chegamos ao Governo de Pernambuco, prontamente buscamos ser solução para o problema dos prédios-caixão do Grande Recife. A partir de um trabalho árduo, feito a muitas mãos, conseguimos que houvesse uma grande concertação para que os recursos do FCVS fossem disponibilizados para a indenização dos mutuários desse tipo de imóvel em até cento e vinte mil reais. Além disso, quem está ocupando esses prédios receberá auxílio-moradia do Estado, será inscrito em programas habitacionais federais e estaduais e os edifícios serão demolidos pela seguradora. Este é um momento histórico e diz respeito à preservação de vidas. Pernambuco está em festa e agora é hora de arregaçar as mangas e trabalhar para tornar realidade aquilo que foi acordado”, afirmou a governadora Raquel Lyra.

Leia mais